George Clooney pode reprisar o seu papel em 'Plantão Médico'

Produtores da série afirmam que na 15.ª temporada querem reunir atores que já trabalharam na atração

Ansa,

13 de março de 2008 | 16h07

O ator George Clooney pode voltar a interpretar o pediatra Doug Ross na série Plantão Médico, em que participou entre 1994 e 1999. Os produtores executivos do programa televisivo, John Wells e David Zabel, declararam nesta quinta-feira, 13, à revista Entertainment Weekly que gostariam de reunir na próxima temporada, a 15ª e possivelmente a última, alguns dos atores já que trabalharam na atração.   "Queremos revisitar os personagens que animaram o show ao longo dos anos e mostrar onde estão agora", explicou Zabel, que particularmente gostaria de ter Clooney no papel de Doug Ross e Julianna Margulies no de Carol Hathaway, a chefe das enfermeiras com quem o médico teve dois gêmeos. "Queremos tê-los de novo na série, mas isso não significa que iremos conseguir. Mas vamos tentar", revelou.   No entanto, Zabel afirmou que Noah Wyle voltará à próxima temporada no papel do Dr. Carter, assim como Goran Visnjic (Dr. Kovac) também deve retornar. "A coisa mais difícil será fazer com que o personagem de Anthony Edwards (Dr. Mark Green) volte, porque ele está morto", acrescentou o produtor. "É um pouco complicado, mas há maneiras de se fazer isso e pensamos sobre o caso. Talvez como se fosse um episódio perdido da temporada 1996, com ele e Wyle".   Zabel também anunciou que a atual temporada ainda contará com a participação de Aida Turturro (da série The Sopranos) como uma paciente, além da chegada de um novo médico sedutor, que será interpretado por um ator australiano desconhecido.   "Ele será um rapaz astuto e sexy, um demônio irresistível. Um novo personagem dinâmico com a habilidade de manipular todo mundo. Isso facilita o entusiasmo para a próxima temporada, considerando que será a última", revelou o produtor.

Tudo o que sabemos sobre:
George Clooney

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.