Gene Simmons, em agosto de 2015. Foto: Paul A. Hebert/Invision/AP, File
Gene Simmons, em agosto de 2015. Foto: Paul A. Hebert/Invision/AP, File

Gene Simmons tem casa revistada pela polícia, mas não é suspeito

Ação ocorreu por uma investigação relacionada a pornografia infantil, apesar de o líder do Kiss não ser suspeito no caso

AFP

21 Agosto 2015 | 13h57

A casa do astro do rock Gene Simmons foi revistada pela polícia por uma investigação relacionada a pornografia infantil, apesar de o líder da banda Kiss não ser suspeito no caso. Simmons e a família tuítaram sobre o acontecido na noite de quinta-feira, 20.

"Não podemos estar mais surpresos que alguém tenha usado nossa residência para semelhantes crimes. Os corpos de segurança estão investigando", afirmou Shannon, a esposa de Gene, no Twitter.

O departamento de polícia de Los Angeles declarou que nenhum membro da família Simmons é suspeito de envolvimento no caso, informou a CBS.

"Obrigado pelo apoio. Nós não poderíamos estar mais horrorizados que alguém usou nossa casa para um crime tão hediondo. Os agentes da lei estão trabalhando nisso", escreveu a esposa de Simmons, Shannon Tweed.


Mais conteúdo sobre:
KissGene Simmons

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.