García Márquez não escrevará mais

O colombiano Gabriel García Márquez não vai mais escrever. A afirmação foi feita por Jaime García Márquez, irmão 13 anos mais novo de Gabo, em uma coletiva em Cartagena das Índias, na Colômbia. Aos 85 anos, o Nobel de Literatura de 1982 se encontra em estágio avançado de demência senil, que provoca a perda de memória. "Infelizmente, não vamos ter a oportunidade de ler uma nova história", afirmou Jaime, quando indagado sobre futuros trabalhos do irmão. Jaime revelou que praticamente todos os dias, o escritor telefona do México para sua casa, em Cartagena, para recordar fatos corriqueiros, que estão desaparecendo de sua mente por conta da doença. / AP

O Estado de S.Paulo

07 Julho 2012 | 03h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.