García Márquez finaliza "mil páginas" de memórias

O escritor colombiano Gabriel García Márquez, de 74 anos, anunciou em Cuba que já entregou à sua editora, sediada em Havana, o primeiro dos três volumes de suas memórias. São as "primeiras mil páginas" da autobiografia do Prêmio Nobel, com lembranças desde os tempos de Arataca, onde nasceu. A informação foi dada na redação do Granma, órgão oficial do Partido Comunista de Cuba, durante uma visita a seus antigos colegas de trabalho. O escritor trabalhou para o jornal na década de 60, e desde então visita com freqüência a ilha. García Márquez não informou quanto tempo permanecerá em Cuba, mas todos os anos, rigorosamente, participa das comemorações do aniversário de Fidel Castro, seu velho amigo, em 13 de agosto. Este ano, o líder cubano completará 75 anos.

Agencia Estado,

02 de agosto de 2001 | 13h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.