Galeria exibirá estátua de ex-premiê israelense em coma

Segundo curadores, escultura que retrata Ariel Sharon na cama de um hospital é uma alegoria da 'inércia da política israelense'.

BBC Brasil, BBC

20 de outubro de 2010 | 08h57

Uma escultura em tamanho real do ex-premiê de Israel Ariel Sharon será exibida a partir desta quinta-feira numa galeria de arte em Tel Aviv.

A estátua, feita pelo artista Noam Braslavsky, retrata Sharon em coma, na cama de um hospital.

O ex-premiê se encontra nesse estado desde 2006, quando sofreu um derrame. Para os curadores da galeria, a obra é uma alegoria sobre a "inércia da política israelense".

Sharon, de 82 anos, foi um dos líderes políticos mais influentes do país.

A escultura será exposta na galeria Kishon.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.