Frederico Barbosa lança antologia poética

O poeta Frederico Barbosa lança hoje, na Casa do Saber, sua antologia A Consciência do Zero, publicado pela editora Lamparina, comemorando 25 anos de carreira poética, dedicada ao experimentalismo concretista.?Este terceiro livro mostra que o lugar de Frederico Barbosa é entre os verdadeiros poetas da sua geração?, disse o crítico Antonio Candido, quando o poeta lançou Contracorrente (Iluminuras, 2000). Mesma opinião tinha o poeta Haroldo de Campos ?pelo sentido construtivo e gume crítico de seus poemas?. Já para a crítica Heloísa Buarque de Hollanda, o poeta ?tem um tipo de negociação com o concretismo muito independente, muito interessante. Ele usa aquilo tudo, mas interpela de um jeito diferente...?O primeiro livro de Frederico Barbosa (Recife, 1961), Rarefato (Iluminuras, 1990) já reunia textos escritos desde 1978 e foi escolhido pelos jornais O Estado de S. Paulo e O Estado de Minas como um dos melhores livros do ano. O segundo, Nada Feito Nada (Perspectiva, 1993), ganhou o Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro.O livro A Consciência do Zero - Antologia de Infernos Diversos (1978-2003) é a segunda antologia da sua obra organizada pelo próprio poeta. Se na primeira, Cantar de Amor entre os Escombros (Landy, 2002), apresenta seus poemas sobre o amor e a sexualidade, nesta última o poeta mostra seu lado mais sombrio, angustiado. A Consciência do Zero, de Frederico Barbosa. Lançamento hoje, 19h, na Casa do Saber - Rua Dr. Mário Ferraz, 414, São Paulo. Tel.: (11) 3707-8900. 104 págs, R$ 18,80

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.