França devolve cabeças Maoris

Autoridades da Nova Zelândia receberam ontem 20 cabeças tatuadas e mumificadas de guerreiros maoris que estavam em museus franceses desde o século 19. O ministro francês da Cultura Frederic Mitterrand e o embaixador na Nova Zelândia participaram da cerimônia de entrega no Museu Quai Branly. Em 2003, a Nova Zelândia iniciou projeto de resgate de cabeças e esqueletos maoris em museus de todo o mundo. Segundo a tradição maori, a preservação de cabeças de ancestrais contribui para manter vivo o espírito dessas pessoas. A França resistiu a devolver as peças, até que uma lei de 2010 forçou a devolução. / AP

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.