Fórum discute rumos da TV digital

Foi criado nesta segunda-feira o Fórum de Televisão Digital para PCs (PC DTV), formado por 14 firmas de transmissão e tecnologia da informação. O grupo de empresas da indústria de informática tem como objetivo promover a tecnologia de transmissão de TV digital em computadores.O fórum foi criado quase uma década após a primeira versão de televisão digital como meio de transmissão viável nos Estados Unidos, apesar da criação de grupos semelhantes, muitas vezes com o apoio do Sindicato Internacional de Telecomunicações (IIU). A maior parte dessas iniciativas foi deixada de lado, principalmente por não serem internacionais.O Fórum de Televisão Digital para PCs, no entanto, é exclusivamente norte-americano, embora os críticos afirmem que se trata de uma ponte entre as transmissões de TV via satélite e as transmissões audiovisuais em computadores. Iniciando o fórum hoje estão a ATI Technologies, Broadlogic Network Technologies, Conexant Systems, Decisionmark, Hauppauge, Digital, iBlast Networks, Intel, InterVideolPinnacle Systems, Microsoft, Raviscent Technologies, Santa Barbara Software, SCM Microsystems e Wavexpress.Realvideo - Algumas empresas ficaram ausentes da lista de integrantes fundadores do fórum, como a Macromedia, RealNetworks e Sun Microsystems. A Macromedia e a RealNetworks já trabalham há algum tempo com um padrão comum de streaming (vídeo ao vivo na Internet), e a RealNetworks fornece suporte à America Online.No começo do mês, a RealNetworks lançou o serviço de assinaturas GoldPass, que permite o acesso de usuários do RealVideo a conteúdo de multimídia, mediante uma pequena mensalidade. O RealVideo tornou-se um padrão para streaming de vídeo na Internet.Ainda assim, o Fórum foi formado e, enquanto seus representantes não se pronunciam a respeito, seu propósito parece semelhante ao promovido pela RealNetworks - o desenvolvimento, a custo acessível, de televisões digitais e da próxima geração com padrões de transmissão de banda larga na Internet.O objetivo do grupo é permitir que os usuários recebam sinais de transmissão digitalmente a partir de estações terrestres, serviços de cabo ou provedores de satélite. Os produtos incluirão cartões de recepção de TV digital, televisão de alta definição (HDTV), decodificadores de software, visualizadores de TV avançada, guias de seleção de antena, aparelhos de conexão OpenCable e serviços de transmissão de dados.Programação diferenciada - O Fórum, porém, admite que as transmissões nos padrões atuais são fragmentadas. Na apresentação de hoje, o grupo explicou que existem três métodos para associar dados a um programa. O mais simples envia um endereço da Web com o programa e exige uma conexão de Internet. O decodificador de TV avançada lê o endereço e faz o download dos arquivos de dados do site.O segundo método tem a vantagem da transmissão de TV digital de alta velocidade e envia 256 Kbps a 1,5 Mbps de dados com o programa de TV digital. Os dados são armazenados temporariamente e ficam disponíveis para exibição durante o programa. Não é necessário ter conexão à Internet.O terceiro método envia dados com sinal de vídeo, mas eles são armazenados no disco rígido do usuário para acesso posterior. O fórum afirma que os três métodos são determinados pela especificação do Fórum de Vídeo e Televisão Avançada (ATVEF).O objetivo destina-se à transmissão simples de TV avançada com base na Web, com o uso de aparelhos de conexão. Conexões complexas transmitidas com o vídeo estão disponíveis com o software e com cartões de recepção de TV digital para PCs com base em ATVEF.Os usos da TV avançada, segundo o fórum, vão desde o envio de cupons com propagandas ou resultados esportivos ao controle sobre o ângulo da câmera e o envio de trilhas sonoras em vários idiomas.O aperfeiçoamento dos dados também pode ser usado por emissoras para diferenciar sua programação, para que o espectador possa controlar o que assistir. Os anunciantes chamam a atenção dos espectadores por mais tempo, oferecendo informações de todos os tipos e níveis. Detalhes sobre o grupo e informações sobre televisão digital para PCs estão disponíveis na página da Web http://www.pcdtv.org.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.