Flip inicia nesta quinta as esperadas mesas de debate

Reúnem-se os escritores Cecília Giannetti, Fabrício Corsaletti e Veronica Stigger

Agencia Estado

06 de julho de 2007 | 16h39

Após a abertura oficial na noite de quarta-feira, 4, com muita gafieira comandada pela Orquestra Imperial, a 5.ª edição da Festa Literária Internacional de Parati, a Flip, inicia nesta quinta os debates com escritores nacionais e internacionais. No ano em que a Flip homenageia o escritor, jornalista e dramaturgo Nelson Rodrigues, um total de 40 autores, sendo 18 nomes estrangeiros e 22 brasileiros, discutirão até domingo, 8, diversos temas envolvendo a arte literária.A primeira acontece na manhã desta quinta-feira, às 10 horas, com os escritores Cecília Giannetti, Fabrício Corsaletti e Veronica Stigger. Juntos, eles irão tratar do Futuro do Presente, tendo Beatriz Resende como mediadora. Às 11h45, a mesa denominada Uivos será discutida pelos brasileiros Chacal e Lobão.O homenageado da Flip 2007 será tratado em mesa compartilhada por Augusto Boal e Eduardo Tolentino, em Nelson Rodrigues - Ato 2. Os primeiros escritores estrangeiros a participarem da festa serão o californiano Jim Dodge e o britânico Will Self, que dividem o quarto debate do dia, Sobre Macacos e Patos, às 17 horas, com mediação do jornalista Arthur Dapieve.Encerra a quinta-feira, a esperada mesa Tão Longe, Tão Perto, às 19 horas. Este último debate do dia terão como protagonistas a hindu radicada nos Estados Unidos, Kiran Desai, e o angolano José Eduardo Agualusa e discutirá questões sobre identidade.Movimento A primeira recebeu no ano passado o Booker Prize, prêmio literário do Reino Unido, com o romance O Legado da Perda (Editora Alfaguara). Já Agualusa foi escalado de última hora, após o cancelamento da participação de William Boyd. Contista e romancista, o angolano é considerado um dos principais nomes da literatura portuguesa contemporânea.A cidade histórica de Parati já está movimentada. Muitos já chegaram para curtir o maior evento literário do País. Mas a cidade deve começar a encher mais na sexta-feira, com a proximidade do final de semana. Ingressos para as mesas com os escritores já não tem mais. Restam apenas poucas entradas para a Tenda da Matriz, que transmite os debates por meio de um telão.A organização estima que 12 mil turistas participem da Flip 2007 que, além dos debates, contempla diversos eventos paralelos culturais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.