Finlândia pode ter Guggenheim

A Solomon R. Guggenheim Foundation propôs a construção de um museu em Helsinque, capital da Finlândia. O estudo de viabilidade foi comissionado pelo prefeito da cidade ao custo de US$ 2.5 milhões. "A tradição inovadora e de design da Finlândia e sua tecnologia de ponta podem ser de grande ajuda", disse Juan Ignacio Vidarte, responsável pelas estratégias globais da fundação. Os vereadores devem se decidir pelo projeto de US$ 180 milhões em fevereiro. Se aprovado, o museu, que terá 12 mil m² e será construído à beira-mar, deve ser aberto, no mínimo, em 2017. Outra unidade está sendo construída em Abu Dhabi. / AP

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.