Filmes brasileiros se apresentam em mostra de Nova York

Os filmes brasileiros Quase Dois Irmãos, de Lucia Murat, e Cinema, Aspirinas e Urubus, de Marcelo Gomes, são algumas das obras que participam de uma mostra em cartaz no Museu de Arte Moderna (Moma) de Nova York, até o dia 20 de fevereiro.O ciclo "Global Lens 2006", um projeto do Global Film Initiative, tem como objetivo apoiar os cineastas de países em desenvolvimento, ou onde as realidades econômicas desafiam a possibilidade de fazer cinema."Os filmes são divertidos e estimulam o pensamento", afirmou o curador da mostra, Jytte Jensen.Entre os filmes participantes estão Quase Dois Irmãos, escrito e dirigido por Lucia Murat, e que acompanha a vida de dois amigos, um senador e um poderoso traficante de drogas, desde a infância até os tempos que passaram juntos na prisão.Outro filme brasileiro que faz parte desta iniciativa é Cinema, Aspirinas e Urubus, de Marcelo Gomes, no qual os protagonistas são um homem que escapa da guerra e outro que foge da pobreza. O filme foi destaque na edição de quinta-feira do jornal americano The New York Times. "É um filme, como diz seu estranho título, sobre filmes, analgésicos e urubus, mas é também sobre como um pouco de imaginação e qualidade cinematográfica podem triunfar sobre a falta de recursos", escreveu Manohla Dargis, numa crítica elogiosa e acompanhada da cotação de cinco estrelas para o filme.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.