AP/ABC
AP/ABC

Filho preso de Fawcett recebe permissão para ir a funeral

Redmond O´Neal, de 24 anos, foi condenado em 2008 por posse de heroína e metanfetaminas

Efe,

30 de junho de 2009 | 12h47

Redmond O'Neal, filho dos atores Farrah Fawcett e Ryan O'Neal, obteve permissão para sair nesta terça-feira, 30, da prisão por três horas, para participar do funeral da mãe, que morreu na semana passada. O ato religioso acontecerá na Catedral de Nossa Senhora dos Anjos, às 20 horas de Brasília.

 

Fawcett, que teve um diagnóstico de câncer em setembro de 2006, morreu na última quinta-feira, 25, aos 62 anos, após prolongados tratamentos químicos e cirurgias nos Estados Unidos e na Alemanha.

 

Seu filho, Redmond O'Neal, de 24 anos, foi condenado em 2008 por posse de heroína e metanfetaminas, mas recebeu o benefício da liberdade condicional. No entanto, em setembro passado, a Polícia fez uma inspeção na residência do pai do jovem, onde ele morava, e encontrou metanfetaminas, por isso foi enviado à prisão.

 

Um tribunal autorizou na segunda-feira, 29, Redmond, que participa do que o Departamento de Polícia de Los Angeles descreve como "um intenso programa de reabilitação para viciados em drogas", a sair da prisão por três horas e assistir ao funeral, acompanhado o tempo todo por um policial. As autoridades permitiram que o jovem use suas roupas em vez do uniforme da prisão.

Tudo o que sabemos sobre:
Farrah Fawcett

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.