FIGURINOS 'SALIENTES' EM CENA

O Estado de S.Paulo

07 de março de 2013 | 02h14

Os figurinos sempre foram um elemento forte nos shows mais arrojados de Ney Matogrosso. Desta vez ele volta a ser vestido pelo estilista e amigo Ocimar Versolato, com colaborações de Milton Cunha e Marta Reis. São três trajes diferentes, brilhantes, "salientes" e sobrepostos, parte dos quais ele vai tirando ao longo do show. "Ocimar costurou as roupas no meu corpo, e eu dando opinião o tempo todo", diz Ney, bem-humorado. Além de assinar também os cenários de Atento aos Sinais com Luis Stein, o carnavalesco Milton Cunha é curador da exposição Cápsula do Tempo: Identidade e Ruptura no Vestir de Ney Matogrosso, que começou anteontem no Senac (Rua Faustolo, 1.347, Lapa) e cobre os 40 anos de carreira do cantor. / L.L.G.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.