Festival suíço lembra Lina Bo Bardi

O 4.º Festival Filmar na América Latina, que mostra filmes latino-americanos na Suíça, vai homenagear a arquiteta italiana Lina Bo Bardi. Ela realizou importantes projetos arquitetônicos em São Paulo, como o Museu de Arte de S. Paulo (Masp)e o Sesc Pompéia. Foi casada com Pietro Maria Bardi, que fundou o Masp com Assis Chateaubriand e dirigiu o museu até quase o fim da vida. A mostra de cinema começou na última sexta-feira e vai até o dia 20 deste mês em Genebra, capital da Suíça. O festival exibirá o documentário Lina Bo Bardi, de Aurélio Michiles, como parte das homenagens. A escolha por homenagear Lina Bo Bardi foi decorrente do tema da quarta edição do festival, a imigração. O Filmar na América Latina é realizado pela associação Le Cinéma des Trois Monde (O Cinema dos Três mundos).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.