Festival de vídeo ambiental de Goiás anuncia vencedores

O 10º Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica), de Goiás, revelou no sábado os seus vencedores: o francês Veludo Azul, de Klaus Reisinger, recebeu o prêmio especial do júri. Jaglavk, o Príncipe dos Insetos, de Jerôme Raynaud (FR), foi a melhor obra do festival. Delta, O Jogo Sujo do Petróleo, de Yorgos Avgeropoulos (Grécia) dividiu o prêmio de melhor longa com Sumidouro, de Cris Azzi (BR). Outros premiados: o média Batida na Floresta, de Adrian Cowell (Reino Unido/BR), o curta Zona de Diluição Inicial, de Antoine Bioutet (FR), e Lições Tardias para Avisos Antecipados, Jakob Gottschau (Dinamarca), levou o prêmio Júri Popular. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.