Divulgação
Divulgação

Festival de Teatro Grotesco tem sessões duplas até 30 de abril

2º Festival N.Ex.T acontece às quintas, sextas e sábados, com ingressos a R$ 30

AE, Agência Estado

24 de março de 2011 | 10h32

O que é grotesco? Sete dramaturgos da cena paulistana foram convidados a responder a essa pergunta criando textos teatrais inéditos, de curta duração e que não tivessem compromisso com o politicamente correto. O resultado pode ser conferido a partir desta quinta-feira, 24, na segunda edição do Festival de Teatro Grotesco, que acontece na sede do grupo N.Ex.T, idealizador e realizador do evento.

 

Toparam o desafio os autores Alexandre Machado e Fernanda Young, Chico de Assis, Mário Vianna, Maurício Paroni de Castro, Otavio Frias Filho e Sérgio Roveri, além de Antonio Rocco, que assina a coordenação do festival e divide a direção dos espetáculos em parceria com Marcos Loureiro.

 

Rocco destaca que, embora o grotesco esteja frequentemente ligado à comédia, o festival conseguiu reunir obras de gêneros variados. "É interessante ver a resposta de cada um para o assunto proposto. O texto do Vianna é uma tragédia. O Roveri se aproxima do teatro do absurdo, que também é abraçado pelo Assis. O Castro mistura depoimentos de personagens das tragédias gregas. E a minha peça é uma comédia. Ou seja, tem um pouco de tudo", explica.

 

Autor de Boi da Cara Preta, espetáculo que retrata um dia na vida de um bebê monstro, Roveri participa do evento pela segunda vez e comemora o espaço aberto para autores nacionais. "Essa oportunidade de criar um texto mais rápido faz com que os dramaturgos possam mostrar um outro lado da sua produção, que não é o que escrevem normalmente", ressalta.

 

A interpretação dos seis espetáculos fica por conta de um único elenco, formado pelos atores Antonio Destro, Celso Melez, Erika Forlin, Fania Espinosa, Jacqueline Obrigon, Luciana Caruso, Marcos Gomes, Mário Matias, Melissa Vaz e Rodrigo Zappa. Até o dia 30 do próximo mês, serão encenadas duas montagens por noite, totalizando 70 minutos por sessão - 35 minutos por peça. Depois da primeira apresentação, é feito um intervalo de 5 minutos, para a troca de cenário. Na sequência, o grupo volta ao palco. As informações são do Jornal da Tarde.

 

SERVIÇO:

Festival N.Ex.T de Teatro Grotesco

Até 30 de abril, às quintas, sextas e sábados, às 21h30

R. Rego Freitas, 448. - Tel. (11) 3259-9636

Duração: 70 minutos Ingressos: R$ 30

Censura: 18 anos

Tudo o que sabemos sobre:
teatrofestivalgrotesco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.