Festival de Berlim escolhe turco 'Bal' como melhor filme

O filme turco "Bal", de Semih Kaplanoglü, ganhou no sábado o Urso de Ouro da 60ª edição do Festival de Berlim. E, em decisão polêmica, o diretor Roman Polanski levou o prêmio de direção. No entanto, ele não recebeu o Urso de Prata por "The Ghost Writer", pois cumpre prisão domiciliar no Suíça. O Urso de Prata de melhor atriz ficou com Shinobu Terajima, por "Caterpillar", de Koji Wakamatsu. O prêmio de melhor ator foi dividido entre os atores Grigori Dobrygin e Serguei Puskepalis, por "How I Ended This Summer", de Alexei Popogrebsky.

AE, Agencia Estado

22 Fevereiro 2010 | 11h02

O Urso de Prata de roteiro foi dado ao chinês Wang Quan''na, de "Apart Together". O prêmio da crítica ficou com "En Familie", de Pernille Fischer. Por fim, "Lixo Extraordinário", codirigido por João Jardim, recebeu o prêmio da Anistia Internacional e o do público. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
cinema Festival de Berlim Bal Polanski

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.