Festa comportada revela nova fase de Vera Fisher

O primeiro convidado chegou pontualmente às 21 horas, como indicava o convite, e por volta de meia-noite já tinha gente indo embora, como o ator Reginaldo Faria. À primeira vista, parecia mais uma festinha carioca bem comportada e pouco badalada, mas a aniversariante era a atriz Vera Fischer, que completou 50 anos na última terça-feira. A comemoração aconteceu ontem à noite, no sítio de 30 mil metros quadrados da atriz em Ilha de Guaratiba, na zona oeste do Rio.Da lista de 300 convidados, compareceram atores globais como Carolina Dieckmann, Helena Ranaldi, Francisco Cuoco, Vítor Fasano, Guilherme Leme, Beth Goulart e Osmar Prado, entre outros menos conhecidos, e os diretores Wolf Maia, Cininha de Paula e Ricardo Waddington. Bussunda e a turma do Casseta e o cineasta Neville D´almeida, que dirigiu a atriz em "Navalha na Carne", filme de 1997, também foram dar um abraço na aniversariante.Responsável pela música, o dj Don Pepe se esforçou para animar os convidados com hits manjados de Daniela Mercury, Marisa Monte, Rita Lee e Gilberto Gil. Ao final, ficou a sensação de que a atriz, muitas vezes lembrada pelos escândalos do passado, vive mesmo uma "nova fase" da vida.PassadoEleita Miss Brasil em 1969, Vera Fischer saiu de Blumenau (SC) para disputar o título de Miss Universo, nos EUA. Acabou ficando em 15º lugar. Musa de pornochanchadas no passado, ela voltou a posar nua aos 48 anos, em janeiro de 2000, sem depilar o corpo, surpreendendo os mais ortodoxos. Dramas pessoais da atriz tornaram-se públicos inúmeras vezes - internações em clínicas para dependentes químicos, agressões a golpes de tesoura a uma empregada, brigas físicas e judiciais com o ex-marido Felipe Camargo. Famosa por atrasar gravações, chegou a ser afastada de uma novela por indisciplina. Hoje, ela garante que escândalos públicos - sempre tratados com sinceridade - pertencem ao passado, e afirma que vive "em paz".Com 1,70 m e 63 quilos declarados, a atriz tem dois filhos, Rafaela, com o ator Perry Salles, com quem foi casada por 16 anos, e Gabriel, com Camargo. No ano que vem, ela comemora 30 anos de carreira, iniciada com o filme "Sinal vermelho: as Fêmeas". Na TV, a estréia foi em 1977, na novela "Espelho Mágico". Agora, a atriz, que vive Yvete em "O Clone", tem como principal objetivo recuperar a guarda do filho, Gabriel, que vive há quatro anos com o pai, por decisão judicial, ocorrida depois que a atriz protagonizou alguns episódios turbulentos. Em janeiro do ano que vem, a Justiça do Rio de Janeiro deverá definir quem fica com a custódia definitiva do menino, hoje com 8 anos - atualmente, ele só fica com a mãe de quinze em quinze dias, de quinta a domingo. Recuperar a guarda do filho é o grande sonho da atriz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.