Fergie: ''Conheci Gisele,a rainha do Brasil''

"É tudo parte de mim, é tudo verdade", diz Fergie (foto), falando a respeito de suas recentes colaborações com rock stars - cantou com Mick Jagger, U2 e Slash, ex-guitarrista dos Guns"N"Roses, com quem lança nos próximos dias o vídeo da música Beautiful Dangerous.

Jotabê Medeiros / Fortaleza, O Estado de S.Paulo

18 de outubro de 2010 | 00h00

Celebridade do tipo "consciente", que integra campanha contra o câncer de mama nos Estados Unidos, a ex-dubladora da animação Charlie Brown está vivendo o seu momento da verdade - tenta ter o primeiro filho, aos 35 anos, e dar um tempo na roda-viva do show biz. "A gente adora sair em todas as cidades aonde vamos, mas eu tinha um jantar marcado comigo mesma", explicou, revelando o roteiro de sua primeira noite no Brasil: no quarto do hotel, sozinha, tomando vinho, comendo um peito de frango com risoto e rapadura com coco.

"Tive sorte de ter conhecido sua rainha, Gisele Bundchen", contou Fergie. Foi num evento da Victoria"s Secret em Nova York (Gisele tem contrato com a marca) e, depois, todos os "anjos" da grife foram para uma festa. "Ela também dança muito bem." Fergie não se considera especialmente bonita. "É segredo de menina! Você quer saber segredo de menina?" Mas, desafiada, deu a sua receita para manter a boa forma. "Dormir muito. Muita água. Muito creme para os olhos."

A cantora contou que seus primeiros ídolos na música eram cantores de rock, e essa formação se impõe às vezes ao lado dance. "Ouvia Axl Rose, Sebastian Bach, Robert Plant. O canto gritado do rock me diverte", diz a moça, que já lançou um álbum solo, The Dutchess, em 2006, mas diz que não tem intenção de lançar outro tão cedo - o foco agora, afirma, é a nova empreitada do Black, que lança o novo álbum, The Beginning, em 30 de novembro (o primeiro vídeo, avisam, foi filmado em 3D e é "louco", dizem).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.