Marcos D'Paula/AE
Marcos D'Paula/AE

Fashion Rio começa mais carioca do que nunca

Paulo Borges comanda edição para falar de moda, cultura, arte, cinema e a cidade do Rio de Janeiro

Roberta Pennafort, de O Estado de S. Paulo,

08 de janeiro de 2010 | 21h29

O Fashion Rio começou mais carioca do que nunca, e misturando moda e cinema. Antes do início dos desfiles, na tarde desta sexta, 8, foi lançada a logomarca do filme Rio, Eu Te Amo, da série Cities of Love, que já se voltou a Paris e, mais recentemente, a Nova York.

 

O idealizador da identidade visual do longa que será rodado em 2010 aqui é Oskar Metsavaht, estilista da Osklen, a grife identificada com o jeito de ser do balneário que desfila na São Paulo Fashion Week.

 

Gaúcho radicado no Rio há 25 anos, Metsavaht é apaixonado pela cidade e uniu imagens icônicas como o Cristo Redentor, o Pão de Açúcar e o Morro Dois Irmãos no pôster do filme.

 

Nasci em Caxias do Sul, mas sou carioca, porque isso é um estado de espírito, disse o estilista, contente por participar da abertura do Fashion Rio, ainda que apresente sua marca só em terras paulistanas. Para mim, não existe diferença entre a SPFW e o Fashion Rio. Moda não é do lugar, é da pessoa.

 

Modelos apresentam a coleção de outono-inverno da grife Melk Z-Da. Foto: Marcos D' Paula/AE

 

A criação foi do escritório de estilo que ele abriu há dois anos, o om.art. Uma camiseta com a ilustração do cartaz também foi lançada, e já estava sendo usada hoje mesmo pelo diretor criativo do Fashion Rio, Paulo Borges. A gente está falando muito de convergência nessa edição, e estamos aqui agora falando de moda, cultura, arte, cinema e a cidade, Borges destacou. É importante que o evento se relacione com a cidade, e a cidade com o evento. Não por acaso o cais do porto foi escolhido quartel-general do Fashion Rio, quando Borges assumiu, ano passado, acumulando a SPFW - é uma região considerada prioritária pela prefeitura, que está sendo revitalizada aos poucos. A área ocupada por desfiles, exposições, estandes pontos de alimentação e entretenimento está maior nesta edição outono-inverno.

 

Num armazém, foi montado um espaço dedicado ao Rio, Eu Te Amo. Depoimentos de quem acompanha o burburinho dos desfiles serão captados, e depois mostrados aos diretores do filme, para que se inspirem. Serão dez filmetes, costurados ao fim por um 11.º diretor. Dois brasileiros já foram anunciados: José Padilha e Fernando Meirelles. Uma van com um cinegrafista e um produtor vai circular ainda por outros pontos da cidade para ouvir cariocas a respeito de sua relação com o Rio. Hoje, desfilaram Auslander, Melk Z-Da, Giulia Borges e Victor Dzenk. Amanhã, a partir das 18 horas, Walter Rodrigues, Cantão, Lucas Nascimento (estreante) e Printing. O Fashion Rio vai até quarta-feira. No total, serão 27 grifes na passarela.

Tudo o que sabemos sobre:
Fashion Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.