Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Faro, sozinho, não salva ibope da Record

A Record já percebeu que Rodrigo Faro é muito bom, que seu programa gasta bem menos que o de Gugu, mas que, sem investimento, não há milagre que promova audiência. Há cinco domingos ocupando a vaga de Gugu, Faro empatou com Eliana na sua estreia em novo horário e perdeu nos outros quatro domingos. Anteontem, o placar foi de 8 a 7 para o SBT. A Record acreditou, a princípio, que se O Melhor do Brasil tinha tamanho êxito aos sábados, o programa não deveria ser bruscamente reformado em novo horário. Mas domingo não se parece com sábado nem com qualquer dia da semana - e só agora a Record notou.

CRISTINA PADIGLIONE, O Estado de S.Paulo

16 de julho de 2013 | 02h13

R$ 23 mil é o custo da TV 65 polegadas em ultra alta-definição (4K) que a Sony começa a vender no Brasil. A versão menor, em 55 polegadas, sai a modestos R$ 13 mil.

“Sem equipe, sem direção, sem grana, sem anúncio, sem água, com sede, sem gente pra postar”. Twitter da MTV Brasil, ao anunciar a exibição de Último Programa do Mundo.

Nina Perguntadeira,
série francesa que põe filosofia no cotidiano infantil, sem perder a diversão de vista, chega em agosto ao Gloob. Aos 9 anos, Nina sempre tem o que perguntar sobre liberdade, amor, felicidade e existencialismo. Vai ao ar diariamente, às 7h20, mesclando live action com animação.

Marcos Mion traz Anderson Silva ao centro do seu Legendários, este sábado, na Record. O lutador topou responder a perguntas de um time bem selecionado pelo programa, que inclui Alexandre Pato, Júnior Lima, Luan Santana e Marcelo Rezende, entre outros.

Que Lady Gaga fez papel de jurada no So You Think You Can Dance, muitos já sabem. Mas a cena, publicada em retalhos no YouTube, chegará aqui em edição completa neste sábado, às 19h, pelo TLC.

Gaga 2. No referido episódio, a estrela pop contracenou com o criador de série, Nigel Lythgoe, de quem chegou a discordar verbalmente. Sempre divertida, ela se emocionou com as performances.

O universo lésbico seria o mote de uma série de ficção que a produtora Santa Rita Filmes ofereceu a canais da TV paga no Brasil. A ideia seguia a linha de uma versão local de L Word, mas o mercado não demonstrou interesse.

Reality BRICS. O que se passa em uma família que vivencia a ascensão propagada pela nova classe C, não só aqui, mas também na Rússia, na Índia, na China e na África do Sul? A produtora brasileira Cinegroup vem registrando o cotidiano de um clã em cada país.

Reality BRICs 2. Para retratar as mudanças na vida de famílias em ascensão, uma equipe da Cinegroup se instala durante uma semana na casa selecionada. A série, ainda em negociação aqui, já foi vendida para a China.

Injustiça

DNA pode acabar com uma novela, mas como o teste de Amor à Vida foi falsificado, Paloma/Paolla Oliveira brigará com Bruno/Malvino Salvador na Justiça: inconformada, ela ouvirá da juíza que Paulinha/Klara Castanho não é sua filha. A partir de quinta. (Foto: Estevam Avellar/Divulgação).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.