Bob Gruen/Divulgação
Bob Gruen/Divulgação

Exposição reúne o melhor do rock no Parque do Ibirapuera

Mostra 'Let's Rock' traz materiais e fotografias de Elvis Presley a Article Monkeys na Oca

AE, Agência Estado

03 de abril de 2012 | 11h03

SÃO PAULO - Do topete clássico e poderoso de Elvis Presley à versão menos elaborada e meio bagunçada de Alex Turner, vocalista do Arctic Monkeys, uma das maiores bandas inglesas da atualidade. A grande força da exposição "Let's Rock", que invade a Oca, no Parque do Ibirapuera até o dia 27 de maio, é a contemporaneidade de acervo. Não que os clássicos (Iron Maiden, AC/DC, Led Zeppelin e o próprio Elvis) tenham sido negligenciados, mas a ideia da curadoria do músico Zé Antonio Algodoal, de 47 anos, é também dar espaço ao que o rock produziu depois dos anos 90. A exposição abre nesta terça para convidados e na quarta ao público.

Não que tenha sido um trabalho fácil. "É mais fácil achar material de bandas mais clássicas, como Kiss, por exemplo. Eles tinham tudo. Agora, memorabilia de grupos atuais é algo bem raro. As pessoas ainda não guardam muita coisa. Nos shows deles, por exemplo, o máximo que você pode conseguir é uma camiseta ou uma caneca", diz Algodoal. Ainda assim, ele conseguiu artigos como CDs e vinis autografados.

Para ser justo com todas as décadas do rock, foram instalados seis contêineres no subsolo da Oca, cada um copilando dez anos de história do rock, dos anos 1950 até os anos 2000. Ou seja, a mostra contempla desde o embrião do rock, ainda com jeitão de blues, passando pelo punk e o heavy metal, até chegar ao modernete indie rock.

Nos pouco mais de 10 mil m² da Oca, o público terá liberdade para circular por vários movimentos. Algodoal não quis fazer uma extensa linha cronológica, então separou bandas de acordo com associações musicais, agrupando sons semelhantes. Como resultado, a oportunidade de saborear estilos em décadas diferentes.

Estão na programação workshops, palestras e pocket shows. Mas o grande destaque da "Let's Rock" é a presença de 75 fotografias do lendário Bob Gruen. Ele era, simplesmente, amigo pessoal de John Lennon - e seu fotógrafo pessoal, evidentemente. Há ainda o material de dois fotógrafos brasileiros, Marcelo Rossi e Otavio Sousa, que, juntos, completam o acervo de 200 imagens, de artistas nacionais e de mega-shows que passaram pelo País.

O evento foi pensado para apresentar quatro ambientes diferentes. No térreo, logo na entrada, o visitante é convidado a seguir uma pequena linha do tempo do rock. No subsolo, se concentram fotografias e os contêineres musicais. O primeiro andar é dedicado a objetos pessoais de músicos brasileiros e estrangeiros, como cartazes, roupas e instrumentos. No segundo andar, uma surpresa: por meio de uma projeção em 180º, é possível viver a experiência de estar no meio de uma multidão de shows que vão de Beatles a Libertines. As informações são do Jornal da Tarde.

Let's Rock - A Exposição - Oca, no Parque do Ibirapuera (Av. Pedro Álvares Cabral, S/N, portão 3, Moema). Tel. (011) 4003-1212.

Terça (convidados) e quarta (público geral), das 10h às 22h. De R$ 10 a R$ 20. Até 27/5.

Tudo o que sabemos sobre:
exposiçãorock

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.