EUA recomendam sentença de 3 anos para ator Wesley Snipes

O ator norte-americano Wesley Snipesdeveria cumprir uma pena máxima de 3 anos e pagar uma multa de5 milhões de dólares por não ter declarado seu imposto derenda, recomendaram promotores dos Estados Unidos. Fazer de Snipes um exemplo, por seu "ousado desrespeito" àsleis tributárias norte-americanas, que resultou em umasonegação de 41 milhões de dólares, ajudaria a intimidar outrossonegadores, segundo documento escrito pelo procuradornorte-americano Robert O'Neill, da Flórida. O documento foi apresentado à Justiça na segunda-feira epublicado na terça-feira, no prazo anual para o registro doimposto de renda norte-americano. "Este caso clama pela pena prisional máxima estatutária,assim como uma multa substancial, por causa da seriedade doscrimes de Snipes e por causa da oportunidade singular que estecaso apresenta para impedir sonegações de impostos no paístodo", escreveu O'Neill. Snipes, que estrelou a série de filmes "Blade, O Caçador deVampiros", foi condenado em fevereiro por três crimes decontravenção por deixar de declarar intencionalmente seusimpostos no período entre 1999 e 2001. Cada um requer uma penamáxima de 1 ano. Snipes foi inocentado de duas acusações decrimes por declarações falsas e por fraude ao tentar reembolsosde milhões de dólares em outros anos. (Reportagem de Randall Mikkelsen)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.