Estelle Getty, atriz de 'As Super Gatas', morre aos 84 anos

Atriz recebeu dois troféus Emmy pelo papel da aposentada Sophia Petrillo no popular seriado de 1980

Reuters,

22 de julho de 2008 | 17h28

A atriz premiada com o Emmy Estelle Getty, conhecida sobretudo como a octogenária piadista no popular seriado dos anos 1980 As Super Gatas (The Golden Girls), morreu nesta terça-feira, 22, aos 84 anos. Getty, que passou quatro décadas trabalhando no show business antes de conquistar fama e reconhecimento no papel da atrevida mãe de 80 anos de Bea Arthur no seriado, vinha sofrendo de demência. "Estelle Getty morreu tranquilamente enquanto dormia, de causas naturais, às 5h35, cercada por sua família, em sua casa em Hollywood Hills", disse em comunicado seu empresário havia muitos anos, Alan Siegel. Nascida em Nova York em 1923 com o nome de Estelle Scher, Getty quis ser artista desde criança, apesar de sua pouca altura e das objeções iniciais de seus pais, imigrantes poloneses. Ela começou como humorista trabalhando em resorts turísticos nos montes Catskill, no Estado de Nova York, e levou adiante seu sonho de ser atriz no teatro regional e em produções off-Broadway enquanto criava dois filhos e trabalhava em empregos de escritório para pagar as contas. Acabou sendo escolhida para representar a mais velha de quatro senhoras aposentadas que viviam juntas em As Super Gatas, apesar de ser um pouco mais jovem que a atriz que fazia sua filha na tela. Getty recebeu dois troféus Emmy pelo papel de Sophia Petrillo na série.

Tudo o que sabemos sobre:
Estelle GettyAs Super Gatas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.