Imagem Fábio Porchat
Colunista
Fábio Porchat
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Esteira

Tá vendo, Fábio, como é bom fazer exercício? É só começar a fazer a esteira para perceber como é tranquilo. Uma corridinha básica, leve, 30 minutinhos... Agora, nesse tempo em que você tá pensando tudo isso, já se passaram... É, um minuto e 12 só, mas tudo bem, tamo só começando.

Fábio Porchat, O Estado de S.Paulo

03 de agosto de 2014 | 02h06

Você já tá um pouquinho esbaforido, mas assim que é bom, começar a suar logo pra gastar essa energia. Quem mandou tomar uma garrafa inteira de vinho ontem e comer meia calabresa, meia atum com gorgonzola? Tem que queimar tudo agora. A esteira é sua amiga, ela te ajuda... E, parece que não, mas o tempo passa voando quando você está correndo. Agora já tá no... É, um minuto e 18, mas é porque não é bom ficar olhando o marcador que não leva a nada. Tampa com a camiseta pra não rolar essa cobrança. Pronto.

Caloria nem é bom olhar ali no medidor... 34, isso equivale a uma jujuba só, mas quem é que se importa com caloria, eu tô preocupado com a minha saúde. Agora, eu até tomaria uma aguinha, porque deu uma cansada. Esse início é assim, cansa mais porque você vem da inércia e tem que fazer seu corpo entender que ele está em movimento. São aqueles cinco minutinhos iniciais que você tem que superar... Um minuto e 26 agora...

Eu não vou mais olhar isso aqui até o minuto 10. Só vou correr sem pensar em nada. Até porque eu tô acima do peso, mas também não estou gooooordo gordo. Tô tranquilo. Não preciso ficar emagrecendo tanto. Ontem comi muito e tenho que malhar hoje pra compensar. E nem precisa malhar tanto assim, vai, de repente só mais 10 minutinhos aqui já resolve. Porque eu não tenho que queimar todas as calorias da pizza, só uma parte. Porque também a gente tem que se divertir. Comer uma pizza doce de vez em quando. A de doce de leite com coco que eu comi ontem era individual, então é melhor de queimar. Tamo em um minuto e 32 agora.

Nossa, tá bem devagar essa esteira, hein? Tô com a sensação de que eu tô aqui faz 20 minutos, já. Será que tá quebrada? Esteira quebrada é um perigo. Será que eu paro agora? Eu malho outro dia, de repente. Eu como menos hoje pra compensar ontem e pronto. Eu nem preciso fazer tanto exercício, agora que eu emagreci bem.

O Márcio Atala nem vai ficar sabendo. Tamo agora em... Um minuto e 40, mas essa merda não passa, cacete! Tô empapuçado de suor, minha camisa já tá pesando 6 quilos e não chega no minuto 2. Será que eu dou uma parada pra descansar? Pra tomar um fôlego pra continuar? Também, nem adianta ficar parando e voltando. E eu nunca vou ficar sarado mesmo. Eu não tô tão gordo assim. Isso é a sociedade que incute na nossa cabeça.

O legal é ser quem você é, gordo, flácido, pançudo, tanto faz... Quer comer come, não quer correr, não corre... Meu Deus do céu, um minuto e 57. Não chegaaaaaa!!!! Eu vou ficar olhando o contador, agora eu quero ver chegar em 2 minutos. Que que é isso? Um e 30? A minha esteira me fez voltar no tempo. Socorro!!!! Esteira maldita do inferno, eu te odeio! Por sua causa é que eu tô gordo que nem uma baleia! Quer saber? Vou comer outra pizza hoje.

E-mail: fabio.porchat@estadao.com

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.