Estátua da Liberdade é novo tema de Scorsese

Martin Scorsese, o diretor de Gangues de Nova York, vai produzir e narrar um documentário para a televisão, que deverá ser transmitido em janeiro, sobre a Estátua da Liberdade. Trata-se de uma campanha com a finalidade arrecadar dinheiro para criar novas medidas de segurança para reabrir a estátua à visitação pública.O governo já investiu milhões de dólares em melhorias, mas ainda falta completar US$ 5 milhões em obras antes que a estátua de 46 metros seja reabetta ao público. O Monumento Nacional Estátua da Liberdade, em uma ilha de 23 hectares situada na baía de Nova York, foi fechada ao público imediatamente após os ataques terroristas de 11 de setembro.A ilha foi reaberta em dezembro de 2001, depois que foram instalados detectores de metal nos ferry boats que levam os turistas até a estátua, porém o acesso a ela continua fechado. Entre as melhorias previstas estão o aumento de sinalização de incêncio e de situação de emergência, além da construção de maior número de saídas do monumento. A American Express anunciou que vai doar pelo menos US$ 3 milhões para a fundação que administra o projeto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.