Estação de metrô Paraíso abriga biblioteca

Quantas vezes você já foi a uma biblioteca pública? Ou melhor, deixou de ir porque o acesso é difícil? A partir de amanhã, bastará pegar o metrô para ter acesso a pelo menos 3.280 livros. E nem será preciso sair da estação. A biblioteca Embarque na Leitura começa a funcionar no metrô Paraíso, na Linha Azul. O acervo será bastante variado. Além dos mais de três mil livros disponíveis logo na inauguração, 150 livros serão incluídos todo mês. "Todos são livros novos, que minha filha encontraria na Saraiva", afirma, com empolgação, Willian Nacked, diretor geral do Instituto Brasil Leitor, que ficará responsável pelo gerenciamento da biblioteca. A idéia é que as pessoas tenham acesso àquilo que gostam de ler, independentemente da qualidade. Desta forma, a biblioteca terá desde livros que são clássicos da literatura mundial até exemplares de auto-ajuda e best sellers, como a série O Senhor dos Anéis e Harry Potter, este, por sinal, o livro mais retirado nas bibliotecas públicas do Estado. William ressalta a intenção de atingir principalmente as classes D e E com a instalação das bibliotecas no metrô. Até o final do ano, devem ser construídas mais nove, em estações como Brás, Corinthians-Itaquera e Largo Treze. Cada unidade vai funcionar das 11 às 19 horas, de segunda a sexta, mas os livros poderão ser devolvidos fora deste horário. Também será possível consultar quais livros estão disponíveis na biblioteca pela internet, no site www.cosipa.com.br. São esperados de quatro a cinco mil sócios nos primeiros dez meses de funcionamento.

Agencia Estado,

31 de agosto de 2004 | 12h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.