Espelho do mundo na obra de Zizola

Vencedor por oito vezes do World Press Photo, o mais prestigiado do fotojornalismo, o italiano Francesco Zizola dedicou grande parte de sua carreira a fazer uma "crônica parcial", como diz, de conflitos, acontecimentos e mudanças das sociedades. "A fotografia, muito além de ser espelho da realidade, é um espelho do mundo interior do fotógrafo", afirma Zizola, formado em antropologia. Desde 1986 ele publica suas imagens e, em 1996, ganhou o World Press Photo do ano por seu trabalho sobre os trabalhadores de minas em Angola - e como destaca a crítica e colaboradora do Estado, Simonetta Persichetti, é a dignidade com que o fotógrafo coloca para seus retratados, em imagens coloridas ou em preto e branco, sua maior marca. Ela é a curadora das três mostras que Zizola apresenta agora no Brasil, conjunto que traça um panorama da trajetória do fotógrafo.

Camila Molina, O Estado de S.Paulo

20 de outubro de 2010 | 00h00

Hoje é aberta para o público na Plural Galeria, no Recife (R. da Moeda, 140), Modos de Olhar, que apresenta seleção do trabalho mais autoral do italiano, para além do fotojornalismo direto. Hoje, para convidados, é inaugurada a exposição Linha de Frente, no espaço Território da Foto, em São Paulo, em que estão imagens publicadas por Zizola na imprensa entre 1991 e 2004 (entre elas, obras premiadas). E depois, no dia 29, no Rio, ele abre a mostra Onda Carioca, no Ateliê da Imagem (Av. Pasteur, 453, Urca), com o resultado, até agora, de série especial, em cores, que iniciou em 2008 sobre a cultura de praia na cidade carioca, local que, segundo Zizola, se dissolvem as diferenças sociais e econômicas.

Os eventos em torno do fotógrafo não param por aqui. Além de workshops, ele ainda vai lançar na segunda-feira, às 19 horas, na Fnac Pinheiros São Paulo, e na terça, no mesmo horário, na Fnac Barra, no Rio, o livro Born Somewhere, edição francesa feita a partir de trabalho iniciado em 1991, no Brasil, sobre a condição da infância, trágica ou não, em países ricos e pobres.

FRANCESCO ZIZOLA

Território

da Foto. Rua Mateus Grou, 580, 2737-7392. 10 h/ 18 h (sáb., 11 h/ 15 h; fecha dom.). Até 13/11. Abertura hoje, 19h30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.