Escultor favorito de Hitler ganha mostra na Alemanha

Uma polêmica exposição de obras do escultor Arno Breker, admirado pelos nazistas, está atraindo centenas de visitantes à cidade de Schwerin, no norte da Alemanha. A decisão de sediar uma exposição destinada às obras de Arno Breker não foi fácil, segundo o vice-prefeito da cidade de Schwerin, Hermann Junghans. A mostra traz cerca de 70 esculturas de Arno Breker, incluindo várias figuras de homens musculosos no estilo neo-clássico, estilo amplamente utilizado em propagandas nazistas.Esta é a primeira vez que uma exposição do artista é realizada na Alemanha desde a Segunda Guerra Mundial. Breker ficou conhecido por suas ligações com alguns dos principais ícones do nazismo, como Adolf Hitler, que conhecia pessoalmente, e o principal arquiteto dos nazistas, Albert Speer, para quem ele criou várias esculturas. No final da era nazista, em 1945, cerca de 90% das obras de Arno Breker foram destruídas, mas sua vida artística continuou durante muitos anos depois disso. Ele morreu em 1991.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.