Escritores boicotam feira em protesto contra a Nestlé

A autora feminista Germaine Greer e o romancista Jim Crace cancelaram sua participação numa das feiras literárias mais importantes da Grã-Bretanha, após o anúncio de que o evento contará com patrocínio da Nestlé. Germaine e Crace acusam a empresa de marketing predatório em países subdesenvolvidos. A feira de Hay-on-Wye, que acontece anualmente no País de Gales, começa na sexta-feira.Ao explicar sua desistência, os escritores citaram campanha da Nestlé de preparados em pó dirigidos às crianças de países subdesenvolvidos. Segundo a Organização Mundial de Saúde, em países onde o acesso à água limpa é difícil e onde as mães não sabem ler, estes produtos podem ser desastrosos para recém-nascidos.Um assessor da Nestlé lamentou que os escritores não tenham tratado o assunto diretamente com a empresa e garantiu que as campanhas de preparados em pó já passaram por alterações, estando agora dentro dos padrões da OMS. Este é o primeiro ano em que Nestlé patrocina a feira. Além dela, outras 98 empresas apóiam o evento. O maior patrocínio vem do jornal inglês The Guardian.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.