Escritor americano Adam Johnson leva Pulitzer de ficção

Depois de um ano sem vencedores na categoria ficção, o Prêmio Pulitzer escolheu "The Orphan Master?s Son", do americano Adam Johnson, como a melhor obra do gênero em 2012. "Disgraced", de Ayad Akhtar, venceu na categoria teatro, e "Embers of War: The Fall of an Empire and the Making of America?s Vietnam", de Fredrik Logevall, foi o melhor livro de história. "The Black Count: Glory, Revolution, Betrayal, and the Real Count of Monte Cristo", de Tom Reiss, foi a melhor biografia. Sharon Olds venceu em poesia com "Stag?s Leap". "Devil in the Grove: Thurgood Marshall, the Groveland Boys, and the Dawn of a New America", de Gilbert King, foi o melhor livro de não-ficção. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

AE, Agência Estado

17 de abril de 2013 | 11h33

Tudo o que sabemos sobre:
literaturaPrêmio Pulitzer

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.