Escola brasileira tem professores de Moscou

A Escola do Teatro Bolshoi tem dois cursos em funcionamento (formação para iniciantes e aperfeiçoamento para iniciados). O ano começa para a entidade com um total de 246 alunos. No curso de formação, são 191 (80, do primeiro ano e 111, do segundo ano). No curso de aperfeiçoamento são 55 alunos, (23 do primeiro ano e 32 do segundo ano). Deste total há vários bolsistas: 160 são da rede municipal de Ensino, 19, da Casa da Cultura e 3, da própria Escola do Teatro Bolshoi no Brasil. Há ainda 50 alunos particulares, que pagam uma mensalidade aproximada de R$ 300,00 e mais 17 alunos particulares, que recebem subsídio da Lei do Mecenato. Cinco professores vieram da escola russa do Teatro Bolshoi para aplicar o método corretamente e também servem como ponte de ligação entre as duas escolas. Eles moram em Joinville, assim como o pianista e maestro Aleksander Ksendzovskiy.São eles: Andrei Smirnov, Galina Kravtchenco Bogatziova, Irina Rachinskaia, Denis Nevidommy e Alla Mickelchenko. São sete os professores brasileiros: Carlos Cavalcante, Henrique Beling, Jane Dickie, Kelly Lotz, Larissa de Araújo, Maria Antonieta Spadari e Sylvana Albuquerque. Seis pianistas brasileiros completam o corpo docente: Eduardo Boechat, Karina Menezes, Márcia Consentino, Marisa Toledo, Rosente Eberhardt e Sônia Barg Kuntze.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.