Joshua Wilks/Netflix
Joshua Wilks/Netflix

Era amor ou cilada? Matchs e dislikes em dicas de filme e séries sobre relacionamentos

Veja outras produções para assistir sobre o tema além do filme documental 'O Golpista do Tinder', lançado recentemente

Simião Castro, O Estado de S.Paulo

28 de fevereiro de 2022 | 03h00

Quem não quer um príncipe – ou princesa – encantado? Aquele conto de fadas, o cavalo branco, o buquê de flores. Ou qualquer coisa que o valha em 2022. Era meio atrás disso que estavam as mulheres retratadas em O Golpista do Tinder.

O filme documental foi lançado no começo do mês e virou hit. Ele mostra como a lábia e a ostentação de um trambiqueiro ludibriaram mulheres que pensaram ter achado o match perfeito no app. Mas na verdade acabaram caindo do conto de fadas para o conto do vigário, emprestando dinheiro, cartões e fazendo empréstimos – que eram usados para enganar outras vítimas.

Entre jatinhos, caviares e investigações internacionais, o documentário desvenda o modus operandi por trás de um dos golpes mais antigos da humanidade: o do coração.

Por fora, bela viola

Simon Leviev é o nome do estelionatário. Ele se passava por filho de um magnata dos diamantes, bilionário com negócios ao redor do mundo e sob constante ameaça dos adversários de comércio.

Cenário perfeito para forjar a farsa de que, em algum momento, a perseguição dos inimigos o obrigasse a suspender transações financeiras e precisar fugir com dinheiro vivo.

Na real, o salafrário estava era com dates diversos em continentes diferentes, pagando os luxos das novas conquistas com o dinheiro das anteriores. De dar raiva. Na Netflix.

 

Refresco ácido

O triste é pensar que se alguma dessas mulheres enganadas por Leviev ouvissem o quadro Picolé de Limão do podcast Não Inviabilize, nada disso aconteceria.

Déia Freitas conta histórias de pessoas reais quase diariamente. Fundamental, nos serviços de streaming de áudio. 

 

Amor moderno

Também sobre gente de verdade, com um pouquinho de tempero, é a série Modern Love. Com duas temporadas e 16 episódios no total, os sabores e dissabores da vida são espremidos sem dó na tela com um elenco excepcional.

Confesso que esperava mais da segunda temporada, já que a primeira é muito boa! Todas as histórias são baseadas na coluna de mesmo nome do The New York Times. Para rir e soluçar, no Amazon Prime Video

 

Amor às cegas

Sabe quando você está conhecendo alguém, vai tudo bem, até que a pessoa diz aquela uma coisa que dá aquela broxada? Em Dating Around, dá para ver que acontece com frequência. No reality show, a cada episódio, um – ou uma – participante dos mais diferentes perfis tem cinco encontros às cegas.

Daí precisa escolher qual deles vai virar um segundo date. E a gente não sabe com quem vai ser o segundo date até, literalmente, a última cena. Divertida e envolvente, na Netflix.

 

Dates em PT-BR

Em 2020, Dating Around ganhou uma temporada no Brasil. Sob o título de O Crush Perfeito, a série tem seis episódios e é curioso reconhecer as locações – e as pessoas. Um ex-vizinho meu participou, não conto quem! 

 

Sensualidade animal

Em outro reality show, Sexy Beasts – talvez mais da pegação do que do amor –, solteiros(as) se encontram com três pretendentes a cada episódio. A diferença de Dating Around é que, no final, não há exatamente um segundo encontro, mas apenas a revelação de quem foi escolhido(a).

Ah, sim! E, na primeira fase do programa, todos usam fantasias dignas de The Masked Singer durante todo o date. Spoiler: ninguém debaixo das máscaras foge dos típicos padrões de beleza. Uma exploração antropológica, na Netflix.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.