Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

Entrevista com Lygia Fagundes Telles vai ao ar na ‘Rádio Estadão’

No programa, que vai ao ar no sábado (17), com reprise no domingo (18), escritora fala de sua vitoriosa trajetória e de assuntos pessoais

Ubiratan Brasil, O Estado de S. Paulo

16 de agosto de 2013 | 20h02

Lygia Fagundes Telles sempre valorizou a palavra. A escrita ajudou-a a se tornar uma das principais autoras da literatura brasileira. Já a falada transforma suas entrevistas em deliciosas conversas. É o que se poderá notar neste sábado, a partir das 17h30, quando começa o programa Grandes Brasileiros, da Rádio Estadão, comandado por Haisem Abaki.

Em entrevista concedida nos estúdios da rádio, no edifício sede do Estado, Lygia falou sobre assuntos diversos. Relembrou, por exemplo, de quando começou a escrever e de sua passagem pela Faculdade de Direito do Largo São Francisco, onde era uma das raras alunas.

Lygia lembrou também com carinho do filho Goffredo, já falecido: “Tenho saudades do meu filho, que era um cineasta maravilhoso. Agora, é minha neta quem cuida da obra dele”. Durante uma hora de bate-papo, a escritora também contou que ainda usa máquina de escrever para registrar seus textos, mas que adora escrever à mão.

Fiel defensora da literatura nacional, ela não escondeu sua revolta por não encontrar mais autores nacionais na lista dos mais vendidos. “É preciso ler mais Machado de Assis”, ensina.

A atração vai ao ar neste sábado (17) e será reprisada domingo (18), a partir das 8 h. A transmissão poderá ser ouvida em FM (92,9) e AM (700) e também acompanhada pela internet, no site da emissora (www.radio.estadao.com.br) ou na fanpage (www.facebook.com/RadioEstadao).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.