ENNIO MORRICONE MALDIZ TARANTINO

Ennio Morricone disse que nunca mais irá trabalhar com Quentin Tarantino. O compositor italiano, famoso por suas trilhas de spaghetti westerns, colaborou com Tarantino em Django Livre, e disse que o diretor usa música "sem coerência", em seus filmes. A trilha sonora do filme inclui Ancora Qui, cantada por Elisa Toffoli, e outras três peças instrumentais do compositor. De acordo com o site Hollywood Reporter, o comentário foi dito a alunos da universidade Luiss, em Roma. "Não é possível fazer nada com uma pessoa desse tipo", completou. O músico colaborou com Tarantino em Bastardos Inglórios e Kill Bill Vol. 1 e 2.

O Estado de S.Paulo

17 de março de 2013 | 02h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.