Em cena

HOJE: YEHUDA BERG, KABBALAH, ALIMÉTICO, COLÁGENO, PINACOTECA, CARLITO & PHILLIP GLASS, BOUCHERIE, NK, RIO DE JANEIRO, SP ARTE DESIGN

Chris Mello, O Estado de S.Paulo

06 de maio de 2010 | 00h00

Aliméticos: tendência

"Beleza tem novo significado: cuidado de dentro para fora"

CRISTIANA ARCANGELI

Alimético. Aprenda: a palavra é amálgama de alimento e cosmético. Aliméticos são megatendência; o resultado da matemática entre alimentos funcionais e design de alimentos. O mercado de "beauty foods" está em ascensão. De acordo com a agência de pesquisas Mintel, a venda de aliméticos, como bem traduziu Cristiana Arcangeli, cresceu 806% entre 2005 e 2009. Cristiana anteontem conversou com Estado sobre a Beauty"in, seu novo negócio. O objetivo? faturar R$ 30 milhões em um ano. O investimento foi de R$ 10mi.

Você estava em quarentena pela venda da Éh ao Hipermarcas e volta ao mercado com os doces-não-doces (já que são zero açúcar) de beleza. Quando teve o clique para entrar nesse nicho?

Ainda estou em quarentena no setor de cabelos. Viajei para o Japão e vi a loucura das orientais por beauty candies e beauty drinks, que são balinhas e bebidas energizantes que têm na fórmula antioxidantes, relaxantes e colágeno. O benefício é tratar e embelezar o corpo de dentro para fora. Achei genial e montei Beauty"in.

Sobre seu beauty candy...

A Beauty Candy é feita com base de colágeno hidrolisado, que fornece proteínas precursoras das fibras elásticas, com a absorção de aminoácidos adequados para a sua formação. E, por apresentar zero açúcar, pode ser consumida no intervalo das refeições, como um cuidado adicional à beleza. São quatro sabores, todos com diferentes benefícios, que vão trazer a beleza para uma nova dimensão.

Lembra dos gummy Bears?

As balas são no formato de miniurso. Dermatos e nutricionistas dizem que consumir colágeno não garante a produção de colágeno, já que uma vez digerido é transformado em outras proteínas. Eu, por via das dúvidas, como balas de colágeno formuladas. Mas efeito... garanto que enganam a fome.

O que diz sobre a polêmica?

Os resultados são comprovados pelos centros de pesquisa dos fornecedores da Beauty"in®, renomadas empresas nacionais e internacionais e laboratórios de pesquisa em eficácia clínica da Europa e Ásia, de acordo com regras.

Onde foram feitas as fórmulas?

Os ativos vitamínicos foram desenvolvidos pela holandesa DSM.

O que contêm?

Nas fórmulas há vitaminas A, B, C e E, selênio, extrato de algas marinhas, frutas vermelhas, minerais e taurina.

Como funcionam os drinks?

Há os relaxantes e estimulantes, cujo efeito é imediato. Nos beauty drink® estimulantes há, por exemplo, vitaminas do complexo B, que atuam nas reações do metabolismo energético, extraindo energia de carboidratos, proteínas e gorduras. Depois de correr, dançar, malhar e sonhar, beauty drink, para hidratar corpo e alma! E há drinks que têm efeito a longo prazo, como os de colágeno. Dentro das garrafas há simplesmente água mineral Serra do Japi. O ativo está dentro de uma capinha, uma "twist cap". Ao girar a tampa, cai na água um pó de frutas orgânicas, vitaminas, proteínas e minerais, com zero conservante, zero gordura e zero açúcar. A água dessa fonte tem baixa quantidade de sódio (2,80) e a extração é feita em Área de Preservação Ambiental em Jundiaí. A cada período de extração, é feito um cálculo matemático que garante a reposição da reserva. Isso cria vínculo respeitoso e sustentável com o meio ambiente.

CABALISTA DO POVO

Está no Brasil o jovem Yehuda Berg, codiretor do Kabbalah Centre International, considerado o 4º rabino mais influente destes dias. A razão? "Uso informática para ensinar a cabala." Sim, Yehuda é facebooker, usa twitter e email para transmitir a sabedoria da filosofia cabalística - e tem uma linguagem extremamente clara. Vendeu 250 milhões de livros entre 32 títulos, entre os quais O Poder de Mudar Tudo. Como? Assista no blog

NA PINACOTECA

Carlito Carvalhosa & Phillip Glass. O artista ocupará o Octógono da Pinacoteca com um labirinto de parede de tecido fino e translúcido "que dissolve o espaço". Glass, amigo, ficará ao centro e fará apresentações na instalação. Os músicos, da Escola de Música de São Paulo, estarão em diversos pontos. Quando não estiverem, o som sairá de caixas. "Na obra as duas artes funcionam autônomas e complementarmente." Poético! Em agosto.

TROIGROS E SUA BOUCHERIE

"Imóvel bom e barato na Dias Ferreira não dá para deixar passar." CLAUDE TROIGROS tem razão. E vai abrir na rua do fervo carioca a Boucherie. Em português significa açougue - e restôs-açougue são microtendência. Chefs em NY estão mantendo açougues privés para fazer seus cortes. E nas ruas de NY pipocam os restôs-boucherie, cujo conceito é servir carnes, molhos, legumes e carbos. Claude hoje visita São Paulo para pesquisa de carnes. "A Boucherie terá a ambiance dos açougues franceses." Mais: o chef está trabalhando com o filho, Tomas, em vários projetos. A Boucherie será tocada por ele, assim como o buffet Petit Troigros. Para servir versões mini dos pratos do pai.

A maioria dos cabelereiros-estrela aprendeu o ABC da beleza com Wanderley Nunes. Agora, Wanderley está pró a um novo tipo de ensinamento. Vai custear a alfabetização de 15 mil moradores da favela de Paraisópolis. Fará um leilão com peças de celebs. Da renda, 100% vai para o projeto, apadrinhado por Marisa Letícia.

Para a empresária de moda Natalie Klein a expansão de negócios vai além do high fashion internacional. Rio de Janeiro vai ganhar uma NKStore. O projeto é de Leonardo Mancenido.

Lastreado por um abaixo-assinado com15 mil assinaturas, o deputado tucano Fernando Capez enviou a Alberto Goldman um ofício pedindo a criação de delegacias de proteção animal no Estado e interior. Há uma em Campinas que pela estrutura na qual é baseada não pode expandir-se. Governador? esperamos o seu SIM.

Laurie Anderson, performer multimídia, é parceira de Ryuichi Sakamoto e Lou Reed. Em agosto faz expo no CCBB. Veio checar "Centros" da cultura e da cidade. Figura...

ARTSY

Arte está num frisson no País nesta década assim como a moda esteve nos 90. E design vai no pacote. Já está fechada com Carlinhos Jereissati a execução da SP-Arte Design por Fernanda Feitosa. Considerando que o BNDES liberou linha de crédito de R$ 2 milhões para designers,a hora é boa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.