Eleições da Bienal canceladas

As eleições para as presidências da Fundação Bienal e do conselho da entidade, que ocorreriam no próximo dia 7, foram canceladas. A decisão do promotor de Justiça responsável pela Bienal, Paulo José de Palma, baseia-se na ata da reunião do dia 10. Segundo o documento, Carlos Bratke e Luiz Seraphico não deixaram seus cargos. No dia 7, os conselheiros decidirão sobre o afastamento dos dois.

Agencia Estado,

20 de julho de 2000 | 10h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.