Eldorado AM ganha 3 prêmios APCA

Serão entregues amanhã, em cerimônia no Teatro Municipal, os prêmios para os melhores de 2001 segundo a Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA). Entre os premiados, um destaque: a Eldorado AM tornou-se a única emissora a receber três prêmios em um único ano na categoria Rádio (melhor jornalismo, destaque para o programa De Olho no Mundo, e melhor programa de cultura para De Palavra em Palavra). "Estamos muito satisfeitos. A premiação é um sinal de que a sociedade tem aprovado o trabalho que temos feito", diz João Lara Mesquita, diretor-executivo da Rádio Eldorado. "O rádio é um concessão pública e, portanto, temos a obrigação de devolver à população um bom serviço, com um compromisso com a cidadania. O prêmio é para nós uma indicação de que cumprimos esse nosso dever." Ederaldo Kosa, diretor de Jornalismo da Eldorado AM, também se mostra bastante satisfeito com a premiação. "É muito bom saber do reconhecimento de uma associação tão antiga e respeitada como a APCA, ainda mais quando se trabalha de um mercado no qual a concorrência é muito grande", diz. Para Kosa, o trabalho dos jornalistas da Eldorado está calcado no "compromisso com a prestação de serviços e a informação, sempre levando em conta o conteúdo e a qualidade". "Fomos os primeiros a colocar um helicóptero no ar para informar o ouvinte a respeito do trânsito. A idéia do ouvinte/repórter que, do carro, liga para a rádio com informações sobre o trânsito, também surgiu na nossa redação e hoje está bastante difundida em outras emissoras", lembra. O jornalista também chama a atenção para o envolvimento da rádio com campanhas de responsabilidade social. "No início dos anos 90, levantamos o debate e a briga pelo projeto de recuperação do Rio Tietê, que hoje está em andamento. Também o movimento pelo fim da obrigatoriedade da Voz do Brasil foi, desde o início, uma briga nossa e hoje aproximadamente 400 rádios em todo o Brasil deixaram de transmiti-la." Rede - Fruto da parceria com a Rádio BBC de Londres, um dos principais sistemas radiofônicos do mundo, o programa De Olho no Mundo está no ar desde 1998. Nele, dois âncoras, um em São Paulo e outro em Londres, apresentam as principais notícias do Brasil e do mundo. "Hoje, um acontecimento na Rússia, por exemplo, pode ter repercussões importantes no Brasil", explica João Lara Mesquita. Segundo Kosa, o programa conta com toda a rede de correspondentes internacionais da BBC, a maior do mundo. "Ganhamos prêmios com uma série de reportagens sobre o Timor Leste, o nascimento de um país independente do poder da Iugoslávia", exemplifica. Outro fato histórico acompanhado de perto pela Eldorado AM foi o massacre da Praça Celestial de Pequim: a rádio foi a única brasileira a ter um correspondente narrando o que acontecia. Na área cultural, a Eldorado também foi lembrada pelos críticos da APCA. De Palavra em Palavra, do jornalista do Estado Eduardo Martins, recebeu o prêmio de melhor programa de cultura. Transmitido de 1997 até o ano passado, o programa teve como objetivo falar da língua portuguesa de modo acessível, sem preconceitos. "Nossa preocupação nunca foi dividir as coisas entre certo e errado, mas discutir e analisar os vários tipos de linguagem utilizados e os contextos nos quais elas surgem", diz Martins. Crescimento - Entidade sem fins lucrativos, a Associação Paulista de Críticos de Arte congrega cerca de 50 críticos em atuação em São Paulo e tem como objetivo incentivar a criação artística e, desta maneira, contribuir para o crescimento do artista e do profissional como indivíduo, e também para o aprimoramento cultural do povo brasileiro. Neste ano, a festa da APCA terá como apresentadores os atores Rodrigo Santoro (premiado como melhor ator de cinema por sua atuação em Bicho de Sete Cabeças) e Débora Duboc, que é veterana das premiações da APCA, tendo recebido os troféus em anos anteriores pela atuação em peças de teatro como Senhorita Else e O Homem das Galochas. Os premiados que ainda não têm convites para a festa podem ligar até amanhã para o telefone 3666-1234.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.