Edu, coração de poeta

Só faltou Chico Buarque a completar-lhe as histórias. Edu Lobo emocionou a plateia que encheu o Instituto Moreira Salles na noite chuvosa de anteontem para ouvir e saber mais sobre O Grande Circo Místico.

Roberta Pennafort / RIO, O Estado de S.Paulo

28 de abril de 2011 | 00h00

Gravado com orquestra, o LP de 1983 (relançado em CD), com o repertório da peça baseada no poema surrealista de Jorge de Lima de 1938, é marco do início da parceria dos dois.

No IMS, foi recriado com Edu ao microfone, Cristóvão Bastos ao piano e Carlos Malta nas flautas e saxofones. O show fez parte da série do IMS que já homenageou Monarco e a dupla Wilson Moreira e Nei Lopes.

Bastaram 26 minutos para que todos os ingressos para o pequeno auditório (130 lugares) se esgotassem. Mais cem fãs assistiram num telão. Até o último minuto, funcionários corriam para conseguir outros assentos.

Edu deliciou os presentes com relatos sobre a criação de temas que, letrados por um inspiradíssimo Chico, se tornaram clássicos, e seguem sendo regravados: Ciranda da Bailarina (música "pobrinha e bobinha", cuja letra o faz rir até hoje), A História de Lily Braun ("foi Chico quem inventou a história da personagem na letra"), Opereta do Casamento ("se você for cantar essa letra no Arpoador, ninguém vai entender nada..."), Beatriz ("uma obra-prima de letra").

Instado a revelar como se dá seu processo de criação, na conversa com o jornalista Hugo Sukman, ele jurou não ter explicações a dar sobre as melodias das valsas e baladas do disco - saudado por Aldir Blanc como "o mais bonito do século 20". "Ele é meu parceiro...", relativizou Edu. Citou o ídolo Bernstein, falou das festas de Vinicius e da necessidade de ter sempre músicas novas a carecer de letras. "Se eu achar que tenho um método, não consigo mais fazer música", explicou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.