Editora lança manual para tirar dúvidas de Português

A editora Panorama do Saber acaba de lançar o livro Tire de Letra - Dúvidas de Redação, da escritora Beth Griffi, um manual prático voltado para estudantes professores e profissionais liberais, que trabalham com a Língua Portuguesa, como jornalistas e revisores. A tiragem inicial é de 3 mil volumes. A obra já está nas principais livrarias e custa R$ 25,00. "Estamos apresentando uma espécie de manual de auto-ajuda de Português", afirmou Luiz Carlos Patrício, editor e diretor geral da Panorama."É um manual feito para o uso cotidiano, onde constam as dúvidas do dia-a-dia", disse Beth. Formada em Letras pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras São Marcos, em São Paulo, e pós-graduada em Lingüística pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), a escritora deu aula durante 11 anos e há mais de 20 anos trabalha como revisora de obras literárias. Com base nessas experiências, ela organizou seu livro, sua sexta obra na área de educação. "Coloquei verbetes relacionados aos erros mais comuns, que observei durante os meus trabalhos, em livros e na imprensa", explicou ela.Para escrever o livro, Beth demorou seis meses. Apesar de lançado em 26 de dezembro, ela já está preparando uma segunda edição revisada, onde procurará eliminar a necessidade de se procurar mais de um verbete para esclarecer uma dúvida, algo muito freqüente quando se consulta um dicionário ou uma gramática. "Vou acrescentar novos verbetes e colocar mais dicas na parte sobre como redigir bem", contou a autora."Para nossa surpresa, o livro despertou atenção não só entre os profissionais liberais e profissionais que trabalham diretamente com a língua, mas também entre alunos do ensino médio, principalmente do terceiro ano", ressaltou Patrício. "Isso aconteceu porque o livro proporciona uma facilidade muito grande de consulta", destacou ele.Além da praticidade de ter organizado os tópicos em verbetes dispostos em ordem alfabética, o livro conta com outras dicas. Começa explicando como uma pessoa deve consultar a gramática e segue dando dicas sobre como escrever bem. Usa uma linguagem simples, direta e bem humorada, com ilustrações em quadrinhos com diversas palavras exóticas e desconhecidas da Língua Portuguesa, sempre com humor. As palavras todas são explicadas em um apêndice no final da obra.No apêndice também constam dicas sobre concordância verbal, ortografia, acentuação, pontuação e pronomes de tratamento. Explicita alguns pronomes de tratamento, substantivos coletivos e superlativos. No final do livro, constam ainda os numerais, formação do plural, colocação dos pronomes pessoais oblíquos átonos (os casos de mesóclise, próclise e ênclise que tanto atormentam os alunos), e como se fazer a conjugação verbal dos principais verbos da nossa língua. Um apêndice remissivo facilita mais a procura.O livro inova ao sugerir modelos para se escrever correspondências diversas, como carta familiar, abaixo-assinado, currículo e carta de solicitação de emprego. Uma curiosidade são os adjetivos pátrios brasileiros: quem nunca se perguntou como se chama uma pessoa que nasce no Rio Grande do Norte ou em sua capital, a cidade de Natal?

Agencia Estado,

03 de janeiro de 2001 | 18h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.