Editora da <i>Elle France</i> elogia moda brasileira

Valérie Abecassis, editora da Elle Francesa, é uma das personagens que vêm ocupando posto de honra no Morumbi Fashion Brasil. Animada com sua primeira visita ao País, a editora disse estar apaixonada pela moda e pela simpatia das pessoas. Sentada na primeira fileira dos desfiles, a jornalista é tratada a pão de ló pela organização do evento. Com o calor intenso nas salas, as assessoras, volta e meia, lhe trazem bebidas energéticas para recarregar a bateria. Numa entrevista exclusiva, Valérie contou a razão de sua vinda ao Brasil, comentou os desfiles e já adiantou que pretende voltar às nossas passarelas.Segundo a editora, a moda brasileira começou a ser comentada pela mídia francesa, anunciando o trabalho do estilista Alexandre Herchcovitch com certo alarde. "Sentimos que havia um movimento de moda feito pelo Brasil, que está tentando introduzir seu estilo no exterior", comenta. Esta foi uma das razões que levaram Valérie e todo o resto da imprensa internacional a vir conferir o Morumbi Fashion. Criatividade brasileira - Empolgada com as pessoas e com a criatividade brasileira, a editora acredita que a moda possa ser um veículo e mola propulsora para acabar com as diferenças sociais do País. Comentando a iniciativa da M. Officer em desenvolver trabalhos sociais com a Cooperativa de Artesãos da Rocinha ( Coppa Rocca) e as constantes empreitadas da grife para ajudar os excluídos, elogiou a atitude de Miele. "Isto é um exemplo de que é possível não fazer só a moda pela moda", afirma.Mas afinal, nossos estilistas tem chances no exterior? De acordo com Valérie, a moda brasileira é feminina e sensual e o corpo é a marca registrada das criações. "Eu notei meninas lindas na passarela mas o mais interessante é que na platéia haviam pessoas igualmente sensuais", afirma. Para a editora, o jeito brasileiro é um ponto positivo para o sucesso na moda. "O Brasil já começa com um capital, que é a simpatia. Com alguma criatividade nas roupas, o resto depois é só business", acredita.Desfile - O tão comentado Alexandre Herchcovitch, que se apresentará em Paris pela primeira vez, recebe elogios da editora. Analisando sua coleção, ela diz ter adorado o fato do estilista cobrir o rosto das modelos, sua marca registrada. Segundo ela, o estilista faz um grande trabalho de moda, feminino e construído. Já a Forum, em sua opinião, faz uma moda jovem, agressiva e sensual. "O corpo sempre está lá", diz. O ponto alto do desfile, segundo Valérie, foram as peças com estampas de frutas tropicais. Quanto a Zapping, a editora vê um ótimo trabalho de marketing, traduzido no retorno dos anos oitenta nas criações de Renato Kherlakian. A sensualidade também é ressaltada na coleção da Iódice. "A marca é feminina e moderna", revela.Moda à parte, a editora disse estar curtindo muito sua estadia e até foi conferir o show de Carlinhos Brown no Blen Blen Club. "Ele é fantástico", afirma. Depois de São Paulo, Valérie deverá passar alguns dias no Rio de Janeiro. Afinal, o descanso na Cidade Maravilhosa é bem vindo depois da maratona fashion de sete dias e 26 desfiles.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.