Eagleton defende Marx em livro

O conhecido crítico inglês Terry Eagleton, que tem algumas obras publicadas no Brasil, volta a Marx em seu novo livro, Por que Marx Tinha Razão (Yale University Press). Eagleton humaniza o autor de O Manifesto Comunista, desfazendo a caricatura que muitos autores têm feito dele após a queda do muro de Berlim e o fim da União Soviética. Professor de literatura inglesa na Inglaterra e EUA, ele divide seu livro em capítulos precedidos das críticas mais frequentes feitas ao filósofo, entre as quais a de que Marx defendia a supremacia do Estado sobre o indivíduo, o que não corresponde à verdade, segundo o crítico inglês, que vive em Dublin. / EFE

, O Estado de S.Paulo

22 Abril 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.