Eagle-Eye estréia nova formação de sua banda no País

O início do calendário de shows internacionais tem estréia com o cantor sueco Eagle-Eye Cherry, que vem ao País pela quarta vez. Ele não trouxe nenhum disco novo como ?desculpa? para a apresentação. Seu último lançamento foi o ao vivo "Live and Kicking", de 2006, uma realização de um sonho de criança. No concerto de hoje, que acontece no Via Funchal (zona sul de São Paulo), Eagle-Eye estreará uma formação nova no palco. ?Tenho trompetes e um saxofone agora na banda. O Brasil vai ser o primeiro país a conferir essa nova formação.? revelou.Filho do trompetista de jazz Don Cherry e irmão da cantora Neneh Cherry, o simpático cantor, que ainda é lembrado pelo sucesso "Save Tonight", de 1998, falou como é ter de carregar o peso do primeiro álbum ("Desireless") sempre que faz um show: ?Sou agradecido por essa música, que estourou no mundo todo. ''Desireless'' foi o álbum que me fez estar aqui hoje, me fez poder ter a minha profissão e ir ao Brasil pela quarta vez?.Nesta quarta passagem pelo País, Eagle tocará no Festival de Verão, em Salvador, próximo ao carnaval. Mesmo não aproveitando o melhor da festa, o cantor quer entender um pouco mais do Brasil: ?Quem sabe não conheço lá mais artistas brasileiros? Tudo o que ouvi vem da minha infância, com o meu pai: Gilberto Gil, Milton Nascimento, Tom Jobim. Festivais são os melhores locais para se conhecer novos artistas?. As informações são do Jornal da Tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.