Divulgação
Divulgação

E Dudamel vem, enfim, ao Brasil

As bolsas de aposta para o concerto memorável de 2011 já abriram com um favorito disparado: a Sociedade de Cultura Artística confirmou para junho a vinda ao Brasil da Orquestra Jovem Simón Bolívar, comandada pelo seu titular, o maestro Gustavo Dudamel. A sinfônica é a menina dos olhos do projeto de educação musical venezuelano que, nos últimos anos, revolucionou o mundo da música clássica - e Dudamel, o maestro sensação do momento, diretor da Filarmônica de Los Angeles.

João Luiz Sampaio, O Estado de S.Paulo

31 de dezembro de 2010 | 00h00

Os músicos venezuelanos, no entanto, não são as únicas atrações de destaque na temporada que se desenha. Ainda pelo Cultura Artística, entre outras atrações, a Sala São Paulo vai receber o Quarteto Emerson, o pianista Jonathan Gilad, a Filarmônica de Câmara de Bremen e a Filarmônica de Roterdã, além do compositor Phillip Glass. Pelo Mozarteum Brasileiro, destaque para a vinda a São Paulo da Orquestra Juvenil da Bahia, da Sinfônica de Bamberg e da soprano Angelika Kirchschlager.

Na Osesp, atenção voltada para a conclusão da integral sinfônica de Mahler, com as sinfonias n.º 2 (Alondra De la Parra), n.º 5 (Marin Alsop), n.º 8 (Gennady Rozhdestvensky) e n.º 9 (Isaac Karabtchevsky); a meio-soprano Kristine Jepson canta o ciclo Kindertotenlieder. Entre os solistas convidados pelo grupo, nomes de peso, como os pianistas Maria João Pires (Beethoven, concerto n.º 2), Yuja Wang (Prokofiev, concerto n.º 3), Stephen Hough (Liszt, Beethoven e Scriabin, com a Osesp e em recital solo) e Angela Hewitt (obras de Mozart e Bach, também com a orquestra e em recital solo); os violinistas Ilya Gringolts (que toca o concerto de Tchaikovsky com Fhrübeck de Burgos), Renaud Capuçon (concerto de Korngold) Pinchas Zukerman (que rege concerto dedicado a Beethoven, solando no concerto para violino do compositor); o violoncelista Peter Wispelwey (concerto n.º 2 de Haydn). A soprano americana Christine Brewer encabeça o quarteto solita do Réquiem de Verdi, regido por Claus Peter Flor.

Tudo o que sabemos sobre:
Gustavo Dudamelmúsica clássica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.