E aí? Não vai dançar?

Samba enredo aqui não é assim um samba enredo. E algo falta no batidão do funk carioca, talvez o próprio batidão. A trilha sonora da animação Rio, líder nas bilheterias dos EUA em dois finais de semana, é mais ou menos como o filme: um realismo de fachada, perfumado mas carente de uma injeção de vida real. Dirigido por Sérgio Mendes, com participações de Jammie Foxx, Anne Hathaway, will.i.am e Carlinhos Brown, a trilha faz música brasileira lipoaspirada para tocar em lounge de hotel. Já que era para falar do Rio, por que não Tim Maia cantando Aquele Abraço? Enfim, uma trilha que, sem o filme, morre na praia de Copacabana.

Julio Maria, O Estado de S.Paulo

30 Abril 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.