Duas estréias divertidas para a garotada

A jornalista e escritora Marta Góese a compositora Dulce Auriemo marcam amanhã suas estréiasno universo da literatura e da música infantil. Marta lança AMenina Que se Apaixonava, pela Companhia das Letrinhas, às 15horas, na Siciliano do Shopping Higienópolis, em São Paulo.Depois será a vez da compositora e poeta Dulce apresentar àgarotada seu livro/CD Espantaxim e o Castelinho Mágico (DAMusic), em show no Espaço Promon, às 17 horas.Falar sobre a "clandestinidade" do amor era um temaque interessava a escritora Marta Góes há certo tempo. Mas o quea princípio seria um livro destinado ao público adulto tornou-seum delicioso infanto-juvenil. "Foi meu amigo e incentivador,Drauzio Varella, que sugeriu a idéia de escrever para crianças.E eu adorei", conta Marta.Inspirada nas memórias da própria infância em Petrópolis, no Rio de Janeiro, ela conta a história de Teresa, uma meninade 9 anos que se apaixona pela primeira vez. Em meio àsbrincadeiras de criança, as aventuras no sítio e a temporada deférias, Teresa conhece Alexandre, um menino de 12 anos que, comomuitos outros, está na cidade a passeio. Depois do baile decarnaval, quando dançam e se dão as mãos, os dois passam todosos dias, até o fim das férias, brincando, nadando e passeandojuntos. Na hora da despedida, Alexandre dá um beijo em Teresa,que sai correndo para casa.Encantados, eles começam a trocar cartas e telefonemas.Até que a mãe de Teresa descobre tudo e a menina é obrigada acontar a verdade ao pai. A decepção e a repressão dos pais fazemcom que Teresa sinta-se culpada e muito triste, com vontade devoltar ao tempo em que achava ser mais querida e admirada pelosdois. Como se o amor fosse algo terrível e proibido para umamenina da sua idade."A história se passa no início dos anos 60. Uma épocaem que os pais, com um repertório antigo, sentiam dificuldade emeducar os filhos. Já soprava um vento de mudanças, de confrontocom o envelhecimento de certos valores. E o livro flagra isso noterritório das crianças", comenta Marta. "Constantemente ospais têm de se adequar e aceitar que, às vezes, suas regrasestão erradas." Para a autora, o amor é um sentimento íntimo,que não precisa ser falado, mas vivido com alegria, sem medo. Édifícil não se identificar e se emocionar com A Menina Que seApaixonava.Dedicado a todas as crianças e avós, Espantaxim e oCastelinho Mágico acrescenta tanto ao universo lúdico quantopedagógico dos pequenos. Feliz com a notícia de que seria avó,Dulce começou a compor e cantar para os netos como fazia com osfilhos. "O repertório traz 14 canções. Metade fiz quando meusfilhos eram crianças. Cada uma tem sua mensagem e simbolismo,podendo ser usada também por professores em ocasiões como o Diado Índio ou a Páscoa", explica a avó de Bruno, Bianca e Marco.Para a autora, o castelinho representa a casa da avó, onde tudoé permitido. O show/lançamento de amanhã terá aparticipação do músico Amilton Godoy (Zimbo Trio) e de 24crianças do coro infantil do Centro Livre de AprendizagemMusical (Clam), que fizeram parte da gravação do CD.Jornalista e escritora, Marta Góes nasceu em Michigan,nos Estados Unidos, em 1953. Há mais de 20 anos, ela escrevereportagens para jornais e revistas. Autora de quatro peças paraadultos, entre as quais Um Porto para Elizabeth Bishop,Marta também assinou roteiros e seriados para a televisão, comoMalu Mulher (1980). A compositora Dulce Auriemo nasceu em1949, em São Paulo. Desde criança toca violão e piano. Em 1986iniciou sua carreira de compositora, com o lançamento doprimeiro disco, Como um Sonho.A Menina Que se Apaixonava. De Marta Góes.Ilustrações de Mariana Massarani. Cia. das Letrinhas. 64páginas. R$ 13,00. Amanhã (28), às 15 horas. Siciliano Livros eMúsica/Shopping Higienópolis. Avenida Higienópolis, 618, SãoPaulo, tel. 3823-2669.Espantaxim e o Castelinho Mágico. De Dulce Auriemo. R$ 4950. Amanhã (28), às 17 horas. Entrada franca (os ingressos devemser reservados pelo tel. 3044-3522). Espaço Promon. AvenidaJuscelino Kubitschek, 1.830, tel. 3847-4111.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.