Doze peças se despedem no feriado

Foi dada a última chamada para um grande número de peças em cartaz no circuito teatral da cidade. No total, 12 espetáculos encerram temporada neste domingo. Entre as peças, duas são consideradas imperdíveis. Coincidentemente, dois musicais com superprodução: Vítor ou Vitória, estrelada por Marília Pera, e Os Miseráveis, versão brasileira fiel à montagem americana da Broadway. O Avarento Texto clássico de Molière, o grande dramaturgo francês do século 17, tem Jorge Dória à frente do elenco. O veterano ator interpreta Harpagão, o sovina que deseja casar sua filha com um velho rico e seu filho com uma viúva igualmente de posses. Mas para si, quer a bela Mariana, moça pobre, porém jovem e linda. Uma casamenteira disposta a tirar vantagem da situação entra na história, desencadeando as trapalhadas típicas de Molière. Também no elenco, Jacqueline Laurence. Teatro Hilton: Avenida Ipiranga, 165. Tel: 3259-6508. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 25 (sex.) e R$ 30 (sáb. e dom.)A Descoberta do MundoHoje é o último dia para conferir a adaptação da Companhia Delas de Teatro para o livro A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector. Destaque para o cenário de Ulisses Cohn, que constrói uma casa de ponta cabeça. Na peça dramática, sete atrizes encarnam a mesma personagem, o papel título G.H., uma mulher solitária que reflete sobre sua existência enquanto arruma a casa. Teatro da Cultura Inglesa: Rua Deputado Lacerda Franco, 333, Pinheiros. Tel: 3039-0553.Quinta, 21h. R$ 10. Homens de PapelDrama do autor santista Plínio Marcos, que está completando 20 anos. O grupo paulistano Luz e Ribalta retrata a vida repleta de privações de catadores de papel. 14 anos. Teatro Ruth Escobar - Sala Dina Sfat: Rua dos Ingleses, 209, Bela Vista. Tel: 289-2358. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 20. Jesus HomemOutra peça polêmica de Plínio Marcos, esta, escrita em 1981. Nela, Vera Zimmermann faz as vezes de um Jesus Cristo com características humanas. A montagem ainda conta com outros 17 atores, além de três músicos. Paradoxalmente, o samba foi a trilha-sonora escolhida para narrar os dramas de Jesus e os jogos de poder em Jerusalém. Centro Cultural São Paulo - Sala Jardel Filho: Rua Vergueiro, 1000, Paraíso. Tel: 3277-3611. Quinta a sábado, 21h; domingo, 20h. R$ 5, (qui.) e R$ 10 (sex. a dom.)Les MisérablesFamoso musical da Broadway, resultado da adaptação de Claude-Michel Schönberg e Alain Boublil para o romance de Victor Hugo. Na montagem brasileira, a única diferença são as letras cantadas em português. No mais, o mesmo palco que gira, superprodução e até mesmo as mesmas marcações vistas na Broadway. A peça se passa em meados de 1830 e narra a saga de Jean Valjean (Marcos Tumura) que é libertado depois de dezenove anos de prisão. Sua trajetória se mescla com a de outros personagens também maltratados pela injustiça e pela pobreza. A superprodução reúne 37 atores e dezenove instrumentistas. Teatro Abril: Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 411, Bela Vista. Tel: 3105-2039. Quinta e sexta, 21h; sábado, 17h e 22h; domingo, 18h. R$ 30 a R$ 120. Bilheteria aberta a partir das 11h.Novas Diretrizes em Tempos de PazDrama (claustrofóbico, permeado por um humor sutil) de Bosco Brasil ambientado em 1945. Dan Stulbach interpreta um ator polonês que quer imigrar para o Brasil, fugindo dos horrores da 2ª Guerra Mundial. No setor de imigração no Rio de Janeiro, ele tem de enfrentar um burocrata ( Jairo Mattos). Teatro Ágora: Rua Rui Barbosa, 672, Bela Vista. Tel: 3284-0290. Quinta a sábado, 21h; domingo, 20h. R$ 20. Pecados MortaisConta a história de duas irmãs que deixam a família às margens do Rio Mississippi e viajam por sete grandes cidades americanas. A missão das garotas é voltar com a bolsa cheia de dólares sem ceder aos sete pecados capitais. Com a Companhia de Teatro Patuléia. Texto de Mário Marciano. Teatro Cacilda Becker: Rua Tito, 295, Lapa. Tel: 3864-4513. Sexta e sábado, 21h; domingo, 20h. R$ 5.Samba da BênçãoMusical escrito e dirigido por Mariana Reade que retrata a vida e a obra de Vinícius de Moraes. Encenado por treze atores e cinco músicos, alunos recém-formados da Escola de Arte Dramática da ECA/USP. Teatro Laboratório ECA/USP - Sala Alfredo Mesquita. Avenida Luciano Gualberto, travessa J, 215, Cidade Universitária. Tel: 3091-4375. Sexta e sábado, 21h; domingo, 20h. Grátis. Ingressos distribuídos uma hora antes. Tem Francesa no MorroA demolição do Teatro Recreio, famoso templo carioca na época do teatro rebolado, é o tema desse musical assinado por Kleber Montanheiro, que também dirige o espetáculo. Centro Cultural São Paulo - Espaço Ademar Guerra. Rua Vergueiro, 1000, Paraíso. Tel: 3277-3611. Quinta a sábado, 20h30; domingo, 19h30. R$ 12.A Terceira Margem d RioMonólogo inspirado no conto de Guimarães Rosa encenado pelo ator Guido Campos Correa. Ele interpreta um filho perplexo à espreita do pai, que deixou a casa e passou a remar, rio acima e abaixo, sem nunca mais pisar em terra. A montagem encanta pela fidelidade à obra do escritor mineiro. Sesc Belenzinho - Galpão do Meio. Avenida Álvaro Ramos, 991, Belenzinho. Tel: 6605-8143. Sábado e domingo, 21h. R$ 7,50 (aposentados, estudantes e maiores de 65 anos) e R$ 15.TraiçãoTexto do inglês Harold Pinter. Paula Lopes interpreta Emma, pivô de um triângulo amoroso. Mulher de Robert (Laerte Mello), ela manteve durante sete anos um caso com Jerry (Edu Guimarães), melhor amigo de seu marido. Quando a peça começa, Emma e Jerry reencontram-se após uma longa separação. Teatro da Cultura Inglesa: Rua Deputado Lacerda Franco, 333, Pinheiros. Tel: 3039-0553. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 10 (sex. e dom.) e R$ 15 (sáb.)Vítor ou VitóriaMusical de Blake Edwards. À frente de um elenco impecável, Marília Pera interpreta Vitória Grant, cantora inglesa desempregada. Ela conhece o homossexual Toddy (Leo Jaime), que a incentiva a se transformar em Vítor, um príncipe polonês transformista dono de talento excepcional, exilado na Paris dos anos 30. A idéia dá certo, até ela se apaixonar por um gângster (Daniel Boaventura), namorado da perua Norma (Keila Bueno). Direção musical de Luís Gustavo Petri. Direção de Jorge Takla. Teatro Cultura Artística - Sala Esther Mesquita: Rua Nestor Pestana, 196, centro. Tel: 3258-3344. Quinta a sábado, 21h; domingo, 18h. R$ 20 (qui.); R$ 30 (sex.); R$ 50 (sáb.); R$ 40 (dom.). Bilheteria aberta a partir das 12h.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.