Dourado dá o tom do make-up de festas

Festa pede brilho. Mesmo no mais família dos natais não há fofa que resista a caprichar na maquiagem - nem que seja para despertar inveja na cunhada e a ira da sogra. Réveillon, então, nem se fala. É a ocasião perfeita para jogar nas pálpebras, bochechas e lábios todo desejo de começar o ano arrasando. A indústria da beleza aproveita a disposição da mulherada em se enfeitar e renova o arsenal luminoso para o fim do ano. Lojas covocam maquiadores internacionais de grife para dar consultoria à clientela - que, sabendo usar, compra com mais vontade. "Queremos ensinar a brasileira a se maquiar, dar dicas. Quando ela sabe aproveitar, compra mais", confirma Mônica Ceballos, gerente de Marketing da Top Internacional, loja de produtos de beleza que promove cursos rápidos e sessões de maquiagem com craques importados. Cor do sol As aulas têm duas horas de duração e pretendem sanar dúvidas mais comuns, tipo como aplicar base ou passar delineador. A taxa de inscrição - por volta de R$ 30 - serve mais de compromisso para que a cliente não falte, já que o valor é revertido em compras. Os plantões de maquiadores também atraem moças e senhoras interessadas em saber como eles conseguem usar rostos como telas e criar mulheres lindas com um pouco de pó e batom. Obviamente, também funcionam como chamariz para os lançamentos de cada grife. Sábado passado, quem esteve dando dicas preciosas por lá foi Betty Chaves Lacerna, maquiadora internacional da Chanel. No comando dos pincéis, Betty apresentou os efeitos metálicos dos produtos Double Teint Dourer (pó base, R$ 125), Lumière Platine (sombras metalizadas, R$ 125), Duo Spectral (creme gliterizado para lábios e olhos, criado em edição limitada, R$ 142) e o Levres scintillante (gloss, R$ 68) na pele de Ekessia Domingues Azevedo. O efeito é um rosto pronto para cair na gandaia. Reduto de vendas de altíssimo luxo, a Daslu também recebe em seus domínios profissionais de grife para dar um rostinho novo, na hora, para quem agendar visita. Esta semana, quem esteve de plantão na loja foi Sergio Medini, maquiador da Guerlain. "Todas querem dourado, bronze, cor de sol", diz o argentino que, há dois anos, trabalha para a marca. Na hora de pintar o rosto as mulheres nacionais preferem tons que realcem a morenice - ou criem uma. O Poudre Bronzant Terracota (R$ 66), um dos lançamentos da marca, tem esse poder. O pó compacto indicado para finalizar a maquiagem deixa a pele com aquele ar de quem tomou um bom solzinho. "Acho que o dourado combina mais com festa", admite Juliana Marcelino, de 19 anos, cliente da Daslu que foi conferir as novidades com Medini. "O grande lançamento do ano é o dourado. O mundo está cinza e a melhor cor para dar um up é o dourado", opinia Olivia Tartufari, maquiadora do M.G.Hair Design. "É a cor do sol, tira o ar de cansaço da pessoa. O preto ficou reduzido ao rímel. Sombra é vetada." Quem não puder passar o réveillon sem um bom prateado pode encontrar novidades na Givenchy. A marca lançou até hidratante que salpica gliter na pele (R$ 122). Gente também é para brilhar.

Agencia Estado,

09 de dezembro de 2000 | 16h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.