Dono de cassino arremata auto-retrato de Cézanne

Um auto-retrato do mestre do impressionismo Paul Cézanne, que não era exposto havia 65 anos, foi leiloado ontem à noite em Nova York por US$ 17,4 milhões. A obra foi pintada em 1895. É o penúltimo auto-retrato feito pelo pintor e o único que nunca havia passado em leilão.Retrato de Paul Cézanne foi arrematada em leilão da Christie´s pelo magnata Stephen A. Wynn, que pretende exibi-la em seu cassino em Las Vegas, ao lado de outro Cézanne de sua coleção. Na terça-feira, Wynn adquiriu outra obra de arte em leilão da Sotheby´s, um quadro de Auguste Renoir, que custou US$ 23,5 milhões.O leilão da Christies´s foi todo dirigido ao modernismo e, em particular, ao impressionismo. Também foram vendidas obras de Degas, Gauguin, Mondrian, Monet, Giacometti, entre outros. Mas nem todos os lotes foram vendidos. Dos 35 expostos, 6 encalharam, e a soma dos lances, US$ 59, 7 milhões, ficou em 81% do valor total estimado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.