Ros Ribas/Divulgação
Ros Ribas/Divulgação

Dominique Blanc é premiada melhor atriz do teatro Francês

'La Douler' (A Dor), com texto de Marguerite Duras, também foi sucesso de público e crítica no Brasil

EFE,

26 de abril de 2010 | 11h08

A atriz Dominique Blanc, que levou aos palcos um texto de Marguerite Duras, uma das grandes damas das letras francesas, com a encenação de La Douler (A Dor), conquistou o troféu de melhor atriz na cerimônia do César, o principal prêmio do teatro francês. La Douler foi exibida com sucesso de crítica e público também aqui no Brasil, quando foi exibida durante as comemorações do Ano da França no Brasil, no ano passado.

 

O troféu de melhor ator ficou com Laurent Terzieff, de 74 anos, por seus papéis em L'Habilleur e Philoctète.

 

Alain Frangon ganhou o prêmio de melhor diretor por La Cerisaie, seu último espetáculo no Teatro Nacional de La Colina de Paris.

 

Alice Belaodi e Guillaume Galliene foram recompensados com os cesares de revelações por seus respectivos trabalhos em Confidence d'Allah e Les Garçons et Guillaume à Table.

 

A cerimônia desta 24ª edição do prêmio do teatro francês, retransmitido ao vivo pela televisão, foram realizadas pela primeira vez em uma cidade dos arredores de Paris, em Créteil.

Tudo o que sabemos sobre:
Dominique BlancCésarteatro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.